Global Black Youth Fest começa hoje com três brasileiros

Divulgação
Divulgação

Gilvan Bueno, da Financier Educação: reconstrução nos valores e políticas de contratação, renda e igualdade

Começa hoje (11), de forma totalmente virtual, a segunda edição da Global Black Youth Fest 2020, evento realizada pela Global Black Youth (GBY), entidade que reúne e investe em jovens líderes negros inovadores, disruptivos e empreendedores e fornece apoio na geração de conhecimento e soluções que transformem sua capacidade de impactar o mundo. O objetivo da iniciativa, de atuação global, é estabelecer uma comunidade que dê visibilidade aos trabalhos e realizações que usem tecnologia, inovação e empreendedorismo para combater as desigualdades.

Entre os participantes desta edição estão os brasileiros Gilvan Bueno, da Financier Educação, Monique Evelle, da Desabafo Social, e Bia Santos, da Barkus Educacional.

Siga todas as novidades da Forbes Insider no Telegram

Bueno, cuja participação está agendada para amanhã (12), às 12h, vai aproveitar a oportunidade para falar sobre o plano de expansão da sua empresa de educação financeira, que tem presença física e virtual, para investidores do cenário internacional. Sua apresentação vai abordar o efeito de rede, a alta margem bruta do negócio, a forma de distribuição de conteúdo e o tamanho do mercado.

“Encaro esse convite como um reconhecimento e uma chama de que eu estava certo ao me dedicar à expansão do negócio para que mais e mais pessoas tivessem suas vidas transformadas”, diz o empreendedor, que tem como missão permitir a ascensão social, econômica e intelectual das pessoas através da sua inserção no mercado financeiro, com a democratização do acesso e aumento da poupança interna, reduzindo assim as valas da desigualdade. “O mundo está passando por uma reconstrução nos valores e políticas de contratação, renda e igualdade. Isso é importante para essa nova liderança que está surgindo. É um estímulo para que mais jovens sejam estimulados a traçar novos passos e ter novas conquistas”, completa.

VEJA MAIS: ESPECIAL: INOVADORES NEGROS

Já Monique Evelle, criadora da Desabafo Social, empresa que se define como um laboratório de tecnologias sociais aplicadas à geração de renda, comunicação e educação, fará sua apresentação na tarde de hoje (11). Na sequência, outra brasileira: Bia Santos, da Barkus Educacional, que ajuda na organização e planejamento financeiro, utilização do crédito de forma saudável e, principalmente, a começar a investir. As duas farão parte do painel “Mulheres A-Frente”, com representantes de empreendimentos no mundo lusófono, ao lado de Elizandra Barbosa, de Cabo Verde, e Raquel Loforte Carrilho, de Moçambique.

As inscrições para quem quiser acompanhar o evento são gratuitas.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).