Saiba quais foram os aplicativos mais baixados - e os mais lucrativos - de 2020

Getty Images
Getty Images

Aplicativos de redes sociais e serviços de streaming tomam conta da lista com os top 10 de 2020

2020 foi o ano do TikTok. O aplicativo de criação e compartilhamento de vídeos curtos registrou incríveis 850 milhões de downloads. No entanto, o Facebook conseguiu emplacar quatro de seus apps no top 6 dos aplicativos mais baixados no ano, totalizando 2,05 bilhões de downloads em todo o mundo.

O WhatsApp foi o aplicativo com mais downloads da empresa de Mark Zuckerberg, com 600 milhões, seguido pelo app do próprio Facebook, com 540 milhões, Instagram, com 503 milhões, e Messenger, com 404 milhões.

VEJA TAMBÉM: Proprietária do TikTok negocia investimento que a avaliará em US$ 180 bi

Os dados são da empresa de inteligência Apptopia e incluem aplicativos para iPhone e Android baixados pela App Store e pelo Google Play. Isso significa que não estão incluídos os downloads feitos a partir das lojas chinesas terceirizadas Android.

A comunicação é um tema frequente no top 10 de aplicativos com mais downloads em 2020. WhatsApp, Messenger e Telegram são apps de mensagens simples, enquanto o Zoom, com quase meio bilhão de instalações, e o Google Meet, com 254 milhões, são aplicativos de videoconferência. O Snapchat também é um aplicativo de mensagens e o Facebook e o Instagram são aplicativos sociais. Curiosamente, os nomes que aparecem no topo e no final da lista global estão conectados. O TikTok – assim como a Netflix – são aplicativos de entretenimento. Enquanto o primeiro prioriza um conteúdo social e curto, o segundo é mais longo e personalizado, mas ambos envolvem um público que consome conteúdo audiovisual.

Veja, a seguir, os aplicativos mais baixados em 2020 em todo o mundo:

TikTok – 850 milhões
WhatsApp – 600 milhões
Facebook – 540 milhões
Instagram – 503 milhões
Zoom – 477 milhões
Messenger – 404 milhões
Snapchat – 281 milhões
Telegram – 256 milhões
Google Meet – 254 milhões
Netflix – 223 milhões

Nos Estados Unidos, o ranking é um pouco diferente. A surpresa fica por conta do Cash App, que oferece um serviço de pagamento móvel a partir da Square. Um dos motivos do sucesso é o slogan da empresa, que a classifica como “a maneira mais rápida de converter dólares em bitcoin”.

LEIA TAMBÉM: Governo dos EUA recorre de decisão que impede proibição do TikTok

Outra diferença interessante na lista norte-americana é o desempenho da Disney+. A plataforma de streaming quase ultrapassou a Netflix, e ocupa a oitava posição, com 45 milhões de instalações – quase todas nos últimos meses do ano.

Veja, abaixo, os aplicativos mais baixados em 2020 nos Estados Unidos:

TikTok – 89 milhões
Zoom – 81 milhões
Instagram – 62 milhões
Messenger – 61,7 milhões
Facebook – 53 milhões
Cash App – 52 milhões
Snapchat – 51 milhões
Disney+ – 45 milhões
WhatsApp – 44,8 milhões
Netflix – 44,7 milhões

A Apptopia também classifica os aplicativos de acordo com seu desempenho financeiro. Veja, a seguir, o ranking global de acordo com o faturamento. É importante ressaltar que os apps de jogos são listados separadamente:

TikTok – US$ 540 milhões
Tinder – US$ 513 milhões
YouTube – US$ 478 milhões
Disney+ – US$ 314 milhões
Tencent Video – US$ 300 milhões
Piccoma – US$ 289 milhões
LINE Manga – US$ 288 milhões
LINE – US$ 249 milhões
iQIYI – US$ 240 milhões
Netflix – US$ 209 milhões

Nos EUA, o YouTube aparece no topo da lista quando o assunto é faturamento, com US$ 249 milhões, enquanto Disney+, Hulu, Netflix e HBO Max entram na lista como serviços de streaming de vídeo que obtiveram receita massiva vinda de celulares.

VEJA MAIS: Walt Disney reestrutura negócios de entretenimento para focar em streaming

Veja, abaixo, os apps mais lucrativos nos Estados Unidos em 2020:

YouTube – US$ 249 milhões
Tinder – US$ 220 milhões
Disney+ – US$ 201 milhões
Pandora – US$ 193 milhões
Bumble – US$ 109 milhões
Twitch – US$ 95 milhões
Hulu – US$ 92 milhões
Netflix – US$ 92 milhões
HBO Max – US$ 81,3 milhões
Google One – US$ 80,7 milhões

Os aplicativos de vídeos têm, obviamente, grande presença nas listas, mas os apps de namoro não podem ser ignorados – o Tinder e o Bumble também fizeram sucesso em 2020. E os serviços de armazenamento em nuvem e backup de telefone do Google One estão alcançando muitos consumidores.

Embora o TikTok seja o aplicativo que mais lucrou globalmente, ele nem aparece na lista norte-americana. Isso provavelmente se deve aos problemas contínuos com o presidente Donald Trump e suas ordens para que ele seja vendido.

LEIA MAIS: Apple remove 39 mil aplicativos de jogos na China

Quando se trata de jogos, a Apptopia revela que o “Among Us!” foi o mais baixado no mundo, com 264 milhões de downloads. O “Subway Surfers”, originalmente lançado em maio de 2012, ainda está na lista com 227 milhões de instalações globais. Outros jogos importantes em número de downloads são “Garena Free Fire”, “PUBG”, “Roblox” e “Gardenscapes”.

Os jogos mais baixados foram também os mais rentáveis. O “PUBG” arrecadou US$ 1,1 bilhão, enquanto o “Arena of Valor” ficou um pouco abaixo de US$ 1 bilhão. O “Pokémon Go” ainda é rentável, com seus US$ 757 milhões, enquanto o “Roblox”, que oferece a sensação de construir seu próprio jogo, atingiu US$ 487 milhões. “Gardenscapes”, um jogo de quebra-cabeça, arrecadou US$ 553 milhões.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).