Microsoft lança curso de tecnologia para mulheres, Movile, Vale & Muito Mais

Iniciativas de aceleração, mentorias, financiamentos e colaboração.

Redação
Compartilhe esta publicação:

Microsoft lança cursos de tecnologia para mulheres

Acessibilidade


Em parceria com a comunidade de tecnologia WoMakersCode, a Microsoft anunciou o lançamento da plataforma digital MaisMulheres.Tech, que tem como objetivo capacitar 100 mil mulheres em todo Brasil. Ao todo, serão oferecidas seis trilhas de conhecimento gratuitas e online, disponíveis até novembro de 2021, nas áreas de computação em nuvem, infraestrutura, segurança da informação, devops, desenvolvimento e ciência de dados e inteligência artificial. Com duração entre quatro e oito horas, todos os cursos serão ministrados por mulheres e garantem às participantes certificado de conclusão. As aulas devem ser finalizadas em até 30 dias após o cadastro.

***

Impacta Tecnologia abre 30 bolsas para o Programa Impactando Vidas

A Impacta Tecnologia, em parceria com a InovAction criou o Programa Impactando Vidas. No total, serão 30 bolsas integrais para os cursos de Engenharia e Ciências da Computação e, após os seis primeiros meses, os participantes terão estágio garantido em uma das empresas parceiras do programa, como TIVIT, Ambev, Sonda, Stefanini Brasil, Capgemini e Sky.One Solutions. As inscrições vão até 13 de março.

***

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga todas as novidades do Forbes Tech no Telegram

Fecap oferece bolsas de estudo para mulheres

A Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (FECAP) está oferecendo 18 bolsas de estudo – seis integrais e 12 parciais (50%) – para mulheres em seu novo curso superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas. O objetivo da iniciativa é aumentar a adesão de mulheres ao curso, reconhecidamente com baixa representatividade numa área que está em ascensão. O curso vai formar profissionais capazes de atuar em projetos de transformação digital, desenvolvimento web, aplicativos mobile, internet das coisas, inteligência artificial, segurança da informação e na concepção, análise, projeto, gestão, implementação de sistemas de software e manutenção de sistemas de informação. As aulas começam no dia 15 de março. Inscrições gratuitas.

***

Magalu oferece 320 bolsas em programa de TI para mulheres

O Magalu está lançando a segunda edição do programa Luiza <Code>, curso de formação na área de desenvolvimento de software, com 320 novas bolsas de estudo exclusivas para mulheres. A iniciativa, que tem como parceiro a escola Gama Academy, quer contribuir com o ecossistema de tecnologia, incentivando a entrada do público feminino numa área que ainda é predominantemente masculina. O programa busca mulheres apaixonadas por tecnologia, protagonistas do seu aprendizado, que se dedicam ao crescimento profissional e acreditam na transformação digital. O curso será em abril, de segunda a sábado, para mulheres de todo o Brasil em treinamento online com mais de 120 horas de conteúdo, com mentoria com profissionais do Luizalabs e workshops de treinamento para participação em processos seletivos. No final, as profissionais participarão de um desafio com base em um case real da companhia para a conclusão do curso e recebimento do certificado. Inscrições gratuitas.

***

Movile lança desafio online de programação

O ecossistema Movile, grupo de empresas de tecnologia, abriu inscrições para a nova edição do Movile Code Challenge, desafio online de programação que será realizado no dia 28 de março. A iniciativa tem o objetivo de estimular e reconhecer novos talentos em tecnologia, oferecendo uma imersão digital para os participantes, que terão seus conhecimentos e habilidades testados com problemas de algoritmo e desenvolvimento em programação criados pela empresa. Serão cinco desafios para os competidores responderem na linguagem Java ou Python. Os três melhores colocados receberão livros e prêmios em dinheiro: R$ 5 mil para o primeiro lugar, R$ 3 mil para o segundo e R$ 1.500 para o terceiro colocado. O vencedor ganhará uma mentoria gratuita com um líder de tecnologia do Grupo Movile para o desenvolvimento da carreira do candidato. As inscrições vão até 26 de março.

***

Minsait promove hackathon de Smart Cities

A Minsait, empresa especializada em consultoria de transformação digital e tecnologia da informação, convoca profissionais e estudantes a participarem do Curitiba Smart Hack, maratona de desenvolvimento de software cujo desafio é criar, para a cidade de Curitiba, propostas tecnológicas inovadoras capazes de apoiar a cidade nas frentes de mobilidade urbana, turismo inteligente e segurança dos cidadãos. Os participantes utilizarão como base para o desenvolvimento de suas propostas a Onesait Platform, plataforma aberta com capacidades IoT e big data da Minsait que permite integrar e gerenciar dados de múltiplas fontes e dispositivos por meio de modelos preditivos. As equipes devem se enquadrar em um dos seguintes perfis: programação e desenvolvimento de aplicativos web/mobile, design, gestão de negócios e comunicação e marketing. Ao longo da competição, as equipes receberão mentoria de especialistas, que acompanharão o desenvolvimento das propostas. O hackathon será de 26 a 28 de março. Inscrições gratuitas.

***

Lab NIP promove apoio a empreendedores

Com o objetivo de apoiar a potência de uma nova geração de empreendedores das periferias do Sudeste e Sul do Brasil, a Articuladora de Negócios de Impacto da Periferia (ANIP) anunciou a segunda edição do Lab NIP, um programa gratuito de apoio e aceleração de empreendedores. A proposta é selecionar até 30 negócios para sete semanas de aceleração. Os aprovados receberão uma bolsa-auxílio no valor de R$ 1.250 e, ao final do processo, as seis empresas com melhor desempenho vão receber um capital-semente de R$ 15 mil e uma aceleração de seis meses a ser conduzida pelo Emperifa, especialista em gestão da criatividade, que possui foco em negócios periféricos da indústria criativa. As inscrições podem ser feitas até 31 de março.

***

Empresas lançam projeto para acelerar startups lideradas por mulheres

A WeWork, especializada em espaços de trabalho flexíveis, o SoftBank e a consultora Flávia Gamonar anunciaram o lançamento da iniciativa O Amanhã é Delas, programa que tem o objetivo de apoiar o crescimento de startups lideradas ou fundadas por mulheres na América Latina e Estados Unidos. Como parte da iniciativa, a WeWork fornecerá cerca de US$ 5 milhões em locação de espaços de trabalho flexíveis para receber empresas selecionadas nos escritórios por um ano, sem custos. Em conjunto, SoftBank e Flávia conduzirão sessões exclusivas de mentoria com os participantes, fornecendo apoio e orientação enquanto as empresas selecionadas continuam expandindo seus negócios. A ideia é contemplar cerca de 60 startups. No Brasil, serão selecionadas 10 iniciativas. Inscrições até 1 de abril.

***

Fundação Paulistana abre 336 vagas para curso de tecnologia

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Fundação Paulistana, vinculada à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, abriu inscrições para os cursos profissionalizantes gratuitos Star TI, destinados a quem pretende trabalhar no mundo da tecnologia e dos computadores. Os cursos são ministrados em três unidades do Instituto da Oportunidade Social: Santana (na zona norte) e Jd. Ângela e Santo Amaro (zona sul), com um sistema híbrido de atividades online e presenciais. São 336 vagas para jovens de 15 a 29 anos. Os cursos têm carga horária de 160 horas e começam em 23 de março. As inscrições podem ser feitas até a data de início do curso ou o preenchimento de todas as vagas.

***

Darwin abre inscrições para programa de aceleração

A aceleradora Darwin Startups está com vagas abertas para a décima edição do programa Batch, que oferece aos seus acelerados capital, mentores e suporte para o desenvolvimento do negócio. O programa é destinado a empreendedores de todo o país que atuam nas áreas de fintech, big data & analytics e tecnologia da informação & telecom e buscam apoio para encontrar o Product Market Fit (PMF). O projeto será focado no  desenvolvimento das pessoas que fazem o negócio acontecer, apostando em suporte psicológico, jurídico e financeiro. Alguns dos critérios avaliados na seleção são sinergia com os parceiros corporativos Darwin, a experiência dos empreendedores e time e a maturidade do negócio. As selecionadas receberão um investimento de até R$ 500 mil em benefícios, entre eles acesso a serviços de nuvem, CRMs e ferramentas de marketing. Inscrições gratuitas.

***

Pagolivre lança campanha para mulheres empreendedoras

Para auxiliar mulheres que pretendem alavancar seus negócios na internet, a pagolivre,  empresa especializada em meios de pagamento e recorrência, anunciou  um pacote para novas clientes com este perfil. A iniciativa contempla dois meses gratuitos de mensalidade, além do setup inicial (ativação na plataforma), e serve para qualquer tipo de negócio. Com soluções on demand, a empresa oferece gateways, plataforma de ecommerce e infraestrutura de  serviços funcionais e de marketing, com um ecossistema completo para quem quer vender online. Inscrições gratuitas.

Vale lança programa para acelerar negócios em MG

Em parceria com a Semente Negócios, empresa de educação empreendedora que apoia a criação e o desenvolvimento de iniciativas inovadoras com ênfase em impacto socioambiental, a mineradora multinacional Vale lançou o Projeto Horizonte, programa que tem o objetivo de auxiliar os empreendedores em municípios de Minas Gerais e os interessados em abrir seu primeiro negócio. A iniciativa espera estimular a criação e o desenvolvimento de negócios inovadores, com ênfase naqueles capazes de trazer impactos socioambientais positivos para as respectivas comunidades. Ao final, serão escolhidos 70 projetos para a fase de pré-aceleração, entre maio e agosto, quando os empreendedores terão assessoria técnica, oficinas quinzenais e mentorias para testar e validar seus negócios no mercado. No fim de agosto, serão selecionados os 35 projetos de maior destaque para a fase de aceleração, programada para começar em outubro. As inscrições vão até 2 de abril.

***

Florianópolis ganha pré-incubadora voltada para mulheres

Para fomentar o empreendedorismo entre mulheres em áreas como economia criativa, tecnologia e inovação, o Sapiens Parque, Sebrae/SC e Cocreation Lab anunciam a criação do Cocreation Lab Mulher, uma pré-incubadora em Florianópolis focada em negócios comandados por empreendedoras. Podem se inscrever equipes da capital catarinense e a proponente do projeto deverá, obrigatoriamente, ser mulher, cis ou trans. A obrigatoriedade não se estende aos demais integrantes da equipe, porém os times formados exclusivamente por mulheres terão um acréscimo de 20% na pontuação final dos projetos. Serão selecionados até 15 propostas de negócios, que depois passarão por cinco meses de pré-incubação gratuita com mentorias, palestras e workshops para trabalhar temas como psicologia feminina, autoconfiança, jornada tripla e mulheres na tecnologia. As inscrições vão até 20 de abril.

***

Qualifica lança cursos focados em tecnologia

O app educacional Qualifica anunciou dois cursos gratuitos de tecnologia. Um deles, o HTML5 Fundamental – Primeiros Passos, é destinado aos iniciantes na área de programação que buscam aprender HTML. Serão abordados temas como as tags mais utilizadas e mais importantes, tabelas, formulários e formatações, já com os recursos do HTML5, última versão da linguagem. O segundo curso é voltado para quem quer aprender as regras de CSS mais utilizadas para estilizar projetos web. Batizado de CSS3 Fundamental – Primeiros Passos, o programa aborda temas como o display, positions, box model e outros conceitos importantes que todo programador deve saber para criar um front-end mais agradável e profissional. A plataforma está disponível para iOS e Android.

***

L’Oréal abre inscrições para o programa Mulheres na Ciência

Estão abertas as inscrições para a 16ª edição do programa Mulheres na Ciência. Realizado pela L’Oréal, em parceria com a Unesco no Brasil e a Academia Brasileira de Ciências, o prêmio tem como objetivo atrair mais cientistas mães, promovendo e reconhecendo a participação da mulher na ciência. Todo ano, na edição local, sete jovens pesquisadoras das áreas de Ciências da Vida, Ciências Físicas, Ciências Químicas e Matemática são contempladas com uma bolsa-auxílio de R$ 50 mil cada, para dar prosseguimento aos seus estudos. Para participar, é necessário que a candidata  tenha concluído o doutorado a partir de janeiro de 2014, tenha residência estável no Brasil, e desenvolva projetos de pesquisa em instituições nacionais. No caso das mães com um filho, o prazo se estende por mais um ano e, com dois ou mais filhos, o prazo adicional será de dois anos. As inscrições vão até 10 de maio.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: