EXCLUSIVO: içougue prepara operação em 15 m² e pedidos por totem

Primeira unidade, em São Paulo, está prevista para maio; Rio é a próxima cidade a ganhar um estabelecimento do tipo

Gabriela Del Carmen
Compartilhe esta publicação:
Divulgação
Divulgação

O estabelecimento vai funcionar como uma espécie de vitrine, já que o pedido será feito no totem instalado do lado de fora

Acessibilidade


O marketplace de carnes içougue se prepara para lançar um novo modelo de operação. Batizada de içougue Go!, a novidade consiste em lojas de apenas 15 metros quadrados com mais de 200 produtos, entre proteína animal, vegetal, acompanhamentos, molhos e temperos. Com um investimento de, aproximadamente, R$ 250 mil em cada unidade, o estabelecimento vai funcionar como uma espécie de vitrine, já que o pedido será feito no totem instalado do lado de fora. No início, estão previstas duas dessas lojas, uma no bairro paulistano do Cambuci e outra em Copacabana, no Rio de Janeiro. “É uma operação clean e tecnológica, que opera das 8h às 23h, de segunda a segunda”, diz Tiago Albino, criador do negócio.

Negócio esse que começou em 2017, a partir de um desentendimento na hora do jantar. O impasse entre Albino e a esposa era sobre quem iria até o açougue comprar a carne para a refeição. Resolveram ir juntos. “Enquanto a gente caminhava, ela perguntou: ‘Você faz aplicativos para todo mundo, por que não desenvolve um para que a gente não precise mais sair para comprar carne?’”, lembra o empreendedor.

LEIA MAIS: Tiago Albino, fundador e CEO do içougue, sobre os negócios na pandemia: “Era pivotar ou quebrar”

Dessa ideia surgiu o negócio original, uma plataforma de delivery B2C que entregava os produtos em domicílio em até duas horas após o pedido. Batizada de içougue, a plataforma registrou, em três dias de operação, 200 cadastros de clientes. “Fui ao mercado, fotografei os produtos e comecei a vender. Não parei mais.”

Em 2018, a empresa passou por um processo de aceleração na Startup Farm, do Google, e alterou o seu modelo de negócio para B2B, com a oferta de comparação de preços e intermediação de frigoríficos para restaurantes, bares e lanchonetes, conquistando mais de 3.500 lojistas na Grande São Paulo.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Com a pandemia da Covid-19, a operação – que estava 100% no sistema de atacado – precisou se reinventar diante do fechamento dos estabelecimentos. “Em questão de semanas, vimos uma queda de, aproximadamente, 95% nas vendas. A solução foi adotar um modelo de dropshipping, no qual o revendedor não mantém os produtos em estoque, mas os compra diretamente do fornecedor e vende para os clientes. “Voltamos às origens, com o serviço de venda para o consumidor final.”

Em três meses, as operações atingiram 90 cidades do território nacional, oferecendo um marketplace de carnes que conecta o cliente aos melhores fornecedores de alimentos do país. Em agosto de 2020, a empresa desenvolveu o conceito de dark açougue, inspirado nas dark kitchens – serviços de alimentação que não têm lojas físicas abertas ao público e atendem os clientes exclusivamente por entrega.

Divulgação

Hoje, são 20 unidades em São Paulo e Rio de Janeiro operando 100% via delivery. A expectativa é chegar a 50 até o final do ano, expandindo para Belo Horizonte e Curitiba. “Esse é o modelo que nos mantém, operado no formato de franquias, com investimentos de cerca de R$ 70 mil por unidade. Nele, somos o único fornecedor de carnes, com 27 marcas disponíveis de produtos distintos e entregas em até uma hora.”

Já no caso do içougue Go!, a previsão é inaugurar o primeiro, na capital paulista, em maio. Para divulgar as obras da primeira loja, Albino está promovendo uma série no YouTube em formato de vlog, mostrando o passo a passo de toda a construção. “A gente tem como objetivo ser uma das maiores redes de venda de proteína do Brasil.”

Atualmente, além dos 27 fornecedores – que incluem Sadia, Perdigão, VPJ e Santa Massa -, a empresa trabalha com duas linhas próprias de frigoríficos – premium e dia a dia – e se prepara para lançar uma marca vegana. 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: