Google construirá novo cabo submarino para conectar América Latina e EUA

Charles Platiau/Reuters
Charles Platiau/Reuters

De acordo com o Google, o cabo “Firmina” será o mais longo do mundo

O Google, da Alphabet, disse hoje (9) que está construindo um cabo submarino que conectaria Estados Unidos, Brasil, Uruguai e Argentina, para aumentar a capacidade de conexão à internet entre essas regiões.

O cabo, chamado Firmina, será o mais longo do mundo, disse o Google em um blog, que irá da costa leste dos Estados Unidos a Las Toninas, na Argentina, com pontos adicionais em Praia Grande, Brasil, e Punta del Este, Uruguai.

LEIA TAMBÉM: Plataformas de autopublicação de livros ganham impulso na pandemia

“O Firmina melhorará o acesso aos serviços do Google para usuários da América do Sul. Com 12 pares de fibra, o cabo transportará o tráfego de forma rápida e segura entre a América do Norte e o do Sul, dando aos usuários acesso rápido e de baixa latência a produtos do Google, como Search, Gmail e YouTube, bem como serviços do Google Cloud“, disse o Google .

O anúncio ocorre em meio a um aumento na demanda por serviços de internet e nuvem, uma vez que a pandemia de Covid-19 desencadeou o aumento de trabalho, compras e entretenimento online. (Com Reuters)

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).