Pesquisa revela visão dos CFOs sobre transformação digital, Trousseau, Shopper & Muito Mais

TENDÊNCIAS INTERNACIONAIS

Pesquisa revela como CFOs enxergam a transformação digital e investimentos em TI

Para 80% dos CFOs (Chief Financial Officer), a transformação digital é uma das cinco prioridades corporativas. Já 71% deles consideram que essa mudança de mentalidade é a chave para o sucesso da empresa onde atuam. Os dados são da pesquisa “2021 CFO Peer Insights: Digital Transformation and IT Spending Priorities”, da provedora global de produtos e serviços de software empresarial Rimini Street.

O estudo considerou mais de 1.500 CFOs e líderes financeiros de empresas com, pelo menos, US$ 200 milhões em receita anual de diversos setores e indústrias em 13 países, incluindo Brasil, Estados Unidos, Alemanha, Reino Unido e França, entre outros. O intuito da pesquisa é identificar as percepções desses profissionais sobre a transformação digital, suas prioridades em relação aos investimentos em TI e como mensuram o ROI (Retorno sobre Investimento) em tecnologia.

Siga todas as novidades do Forbes Tech no Telegram

Os resultados indicam que 95% dos CFOs concordam que os investimentos em tecnologia são vitais para a recuperação dos negócios diante da Covid-19. Cerca de 73% dizem que a crise sanitária aumentou os investimentos destinados a esse fim. Eles também revelaram suas preferências: 44% preferem projetos de TI que otimizam os investimentos já existentes, 40% as iniciativas que geram receita e 39% os projetos que melhoram o processo e a eficiência dos negócios.

Além disso, 67% disseram que se recusam a desperdiçar dinheiro em investimentos em TI que não promovem mudanças significativas para seus negócios e 70% querem cortar gastos em investimentos não essenciais em tecnologia da informação. A pesquisa revela, ainda, que 77% dos CFOs financiarão iniciativas de transformação digital com forte ROI.

Veja, na galeria de fotos a seguir, o que mais aconteceu na última semana no setor de tecnologia e inovação:

  • TENDÊNCIAS INTERNACIONAIS

    Vendas de smartphones aumentam mais de 20% em 2021

    As vendas globais de smartphones para usuários finais cresceram 26% no primeiro trimestre de 2021 em relação ao mesmo período do ano anterior e 22% na comparação ano a ano, de acordo com pesquisa do Gartner. O estudo indica que o lançamento de smartphones de preço médio, com valores abaixo de US$ 150, impulsionou as vendas de unidades da Samsung em todo o mundo.

    A fabricante sul-coreana ficou em primeiro lugar no ranking de fornecedores de smartphones, com cerca de 76 milhões de unidades vendidas em todo o mundo no primeiro trimestre, com uma participação de mercado de 20,3%. A Apple voltou à vice-liderança, depois de garantir o topo do ranking global no quarto trimestre de 2020. A multinacional norte-americana vendeu, aproximadamente, 58,55 milhões de unidades de smartphones para usuários finais e encerrou os primeiros meses do ano com uma participação de 15,5% no mercado global.

    O levantamento considera, ainda, que todos os cinco principais fornecedores globais de smartphones – Samsung, Apple, Xiaomi, Vivo e Oppo – registraram forte crescimento na comparação com 2020, indicando que o mercado de telefonia está se consolidando em torno desses fornecedores. O relatório indica que os fabricantes Xiaomi, Oppo e Vivo testemunharam a crescente demanda por smartphones 5G e capitalizaram as oportunidades devido ao enfraquecimento das vendas da Huawei e LG globalmente neste trimestre.

    dwell/Getty Images
  • TENDÊNCIAS NACIONAIS

    Mercado de PCs cresce quase 20% no primeiro trimestre de 2021

    Foram vendidos 1.772.417 computadores no Brasil nos primeiros três meses do ano, um salto de 19,7% em relação ao mesmo período de 2020, de acordo com o estudo “IDC Brazil PCs Tracker 1Q2021”, da IDC Brasil. Os dados revelam que, comparado com o último ano, houve uma alta de 24,4% no mercado corporativo, que respondeu por 681.930 máquinas. No varejo, a alta foi de 17%, com 1.090.487 equipamentos vendidos.

    Quanto aos preços, os valores foram impactados pelo ajuste do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) no início do ano e ficaram cerca de 20% mais caros. O relatório indica que, no primeiro trimestre do ano passado, um desktop custava, em média, R$ 3.146, enquanto um notebook ficava ao redor de R$ 3.692. Nos três primeiros meses de 2021, os preços médios foram para R$ 3.842 (salto de 22,1%) e R$ 4.450 (salto de 20,5%), respectivamente. Com o aumento nas vendas e nos preços, a receita total do mercado nacional de computadores cresceu 45,9% e chegou a R$ 6,66 bilhões.

    zf L/Getty Images
  • TENDÊNCIAS NACIONAIS

    Interesse de mulheres em vagas de TI cresce 22% em 2021

    As mulheres estão cada vez mais em busca de vagas na área de tecnologia da informação, segundo uma pesquisa do BNE (Banco Nacional de Empregos) realizada entre janeiro e maio deste ano. Os resultados apontam que 12.716 mulheres se candidataram a vagas no setor, ante 10.375 no mesmo período do ano passado. Apenas no mês de janeiro, foram 4.316 candidatas contra 1.989 em 2020, o que representa um salto de 116%.

    Para Marcelo de Abreu, CEO do BNE, o mercado e os profissionais estão em transformação, contribuindo para o aumento da presença feminina em tecnologia a cada ano. De acordo com o executivo, de 2019 para 2020 houve um aumento de 36% no número de mulheres no mercado e a expectativa é finalizar o ano com um índice ainda mais expressivo.

    Luis Alvarez/Getty Images
  • TENDÊNCIAS NACIONAIS

    Pesquisa aponta que inteligência artificial reduz sobrecarga do sistema de saúde

    Atendimentos realizados em plataformas de coordenação dos cuidados que utilizam inteligência artificial ajudaram a aliviar a sobrecarga do sistema de saúde durante a pandemia do novo coronavírus no Brasil. Foi o que apontou um estudo realizado de julho a outubro de 2020 por pesquisadores da Escola de Medicina da PUC-PR (Pontifícia Universidade Católica do Paraná), FGV (Fundação Getulio Vargas) e Instituto Laura Fressatto.

    A pesquisa considerou os atendimentos realizados pelo Laura Care, ferramenta que realiza triagens, indica a assistência mais adequada e faz o acompanhamento dos pacientes. Na plataforma, o usuário interage com um assistente virtual que usa tecnologia de NLP (processamento de linguagem natural, da sigla em inglês) para entender o paciente e tirar dúvidas sobre determinado tema de saúde. A plataforma atendeu cerca de 24,1 mil pessoas, sendo 44,8% classificadas com sintomas leves de Covid-19, 33,6% com sintomas moderados e 14,2% diagnosticados como casos graves da doença.

    Durante o período, o chatbot respondeu mais de 133.700 perguntas. As dúvidas mais comuns solucionadas pela ferramenta estavam relacionadas aos custos do teste de Covid-19 e locais para realizá-lo, problemas relacionados à transmissão após contato próximo com um indivíduo infectado com o vírus e o tempo médio para se recuperar da doença. A maioria dos pacientes tinha mais de 60 anos, e os sintomas mais relatados foram tosse (55%), dor de garganta (42,8%) e dor de cabeça (39,8%).

    Os resultados concluem que, com a implantação do algoritmo de IA, o fluxo de trabalho foi alterado positivamente para garantir uma maior interação do paciente com o sistema de saúde, reduzindo o tempo total gasto por profissionais com pacientes de baixo risco. Segundo os pesquisadores, a IA fez com que o atendimento ocorresse de modo coordenado e contribuiu, ainda, para que os hospitais e unidades de pronto atendimento não ficassem sobrecarregados.

    Chad Baker/Getty Images
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Trousseau mira em estratégias omnichannel com apoio da Enext

    A marca de lifestyle de luxo Trousseau registrou um crescimento de 500% nas vendas online durante a pandemia. Agora, em parceria com a Enext, especializada em soluções para negócios digitais, a companhia tem como objetivo implantar uma estratégia de omnichannel em suas principais lojas até o fim deste ano. A informação foi adiantada com exclusividade à Forbes.

    Além da integração das lojas físicas com o comércio online, o projeto tem como meta, principalmente, oferecer a opção “retirar na loja” e “entrega a partir da loja”. “O cliente se sente mais confortável, pois poderá escolher como deseja retirar a compra. Para a empresa, podemos citar benefícios como integração de estoque, redução de custos de logística e diminuição das chances de avaria nos produtos”, explica Felipe Coelho, COO da Enext.

    Blue Planet Studio/Getty Images
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Shopper expande operações para mais 19 municípios de São Paulo

    A Shopper, startup que oferece serviço de abastecimento mensal de itens de supermercado, acaba de chegar a 19 novas cidades do estado de São Paulo. Os municípios que passam a contar com os serviços da startup são São Roque, Mairinque, Sorocaba, Votorantim, Itatiba, Louveira, Paulínia, Americana, Sumaré, Nova Odessa, Santa Barbara D’Oeste, Atibaia, Mairiporã, Bragança Paulista, Embu das Artes, Santos, São Vicente, Praia Grande e Arujá.

    Com um modelo de compras programadas, a empresa permite que o consumidor monte sua cesta online com itens de alimentação, higiene, beleza e pets, entre outros, e selecione o dia do recebimento. A entrega fica pré-agendada para cada mês no site ou aplicativo da marca e, pela plataforma, o cliente recebe lembretes para caso queira alterar a lista antes das próximas entregas.

    Gabriel Reis
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Fix it prevê faturar R$ 2 milhões em 2021

    Fundada em novembro de 2015, no Rio Grande do Norte, a Fix it desenvolve soluções por meio da impressão 3D que auxiliam no procedimento de fraturas e na recuperação de casos pós-cirúrgicos. Após encerrar o mês de abril com 4.000 soluções vendidas, a startup planeja crescer 150% em 2021 e alcançar faturamento de R$ 2 milhões, alterando o cenário atual das alas de ortopedia dos hospitais e clínicas com os imobilizadores articulares feitos de plástico termomoldável e biodegradável. Segundo Felipe Neves, cofundador e CEO da Fix it, a healthtech planeja sua série A, em busca de R$ 6 milhões, para acelerar o crescimento da startup.

    Divulgação
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Santa Catarina lança projeto para levar internet de fibra óptica ao meio rural

    O governo do estado de Santa Catarina iniciou um projeto para levar internet de qualidade ao meio rural. Segundo o governador Carlos Moisés, a intenção é cobrir parte dos municípios com estrutura de fibra óptica. A iniciativa prevê a aprovação de um projeto de lei, elaborado pela Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural, autorizando as concessionárias ou permissionárias de distribuição de energia elétrica a compartilharem sua infraestrutura para a passagem de cabos do serviço de telecomunicação nas áreas rurais. A expectativa é de que sejam destinados R$ 50 milhões para atender mais de 20 municípios.

    Andrew Brookes/Getty Images
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Ticket aposta em IA em solução de gestão de vale-transporte

    A Ticket, companhia que oferece soluções em benefícios – como vale-refeição, alimentação e presente, entre outros – para empresas e colaboradores, registrou uma economia acumulada de R$ 410 milhões até abril de 2021 na operação para clientes usuários do Ticket Transporte. O produto foi criado para otimizar a gestão do vale-transporte, facilitando o processo de compra e distribuição do benefício aos funcionários.

    Segundo a empresa, o montante economizado é resultado da assessoria da plataforma Crédito Inteligente. Desenvolvida com inteligência artificial, a solução realiza assistência no controle de salto excedente no cartão de vale-transporte do colaborador, prometendo gerar uma economia em torno de 35%. Ainda segundo levantamento da Ticket, a inovação proporcionou um índice de economia que cresce cerca de 22% ao ano e que, nos quatro primeiros meses de 2021, cresceu 42% em relação ao mesmo período de 2020.

    Andry Onufriyenko/Getty Images
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Empresa de drones anuncia entrada no setor logístico

    A XMobots obteve da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) a aprovação para realizar voos experimentais da aeronave não tripulada FW 150, capaz de transportar até 41 kg de carga ou percorrer distância máxima de 1.000 quilômetros. Com a novidade, a companhia agora vai passar a atuar no setor de logística, com o objetivo de levar o conceito de same day delivery (possibilidade de enviar e receber pedidos em até 24 horas imediatamente após ser solicitado) para o interior do Brasil, democratizando o acesso a benefícios logísticos do delivery com drones. De acordo com o CEO da empresa, Giovanni Amianti, além de atender demandas dos mercados offshore (cujas transações são realizadas em país estrangeiro) e de mineração, levar medicamentos e vacinas a comunidades isoladas é um dos principais propósitos da nova tecnologia da XMobots.

    Prapass Pulsub/Getty Images
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Governo inaugura primeiro Centro de Excelência MCTI em Tecnologia 4.0

    Na última semana, o Governo Federal inaugurou o primeiro Centro de Excelência MCTI (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações) em Tecnologia 4.0 em Sorocaba (SP). O espaço é pioneiro no Brasil no conceito “hélice quíntupla”, que une conhecimento e inovação, estimulando o desenvolvimento tecnológico, especialmente baseado em IoT (Internet das Coisas) e robótica. A expectativa com o novo espaço é a criação de novos postos de trabalhos, com capacitação de colaboradores em tecnologias 4.0, inovação e a conexão da tecnologia aplicada nas indústrias e na fabricação de produtos, além de melhorias nas produtividades das mesmas, com maior eficiência e redução de custos, tornando-as mais competitivas.

    Andriy Onufriyenko/Getty Images
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Egrégora pretende movimentar mais de R$ 250 milhões até 2022

    Com frentes de atuação voltadas à gestão de fundos e investimentos, serviços financeiros, tecnologia, inovação, esporte, cultura e educação, a Egrégora conecta empreendedores a investidores potenciais para ajudar suas ideias a saírem do papel. Atualmente, o ecossistema da holding inclui as startups Nísia, P.alma, Manacá e Ficus, e mais de 40 sócios, responsáveis por difundir a cultura, inovação e empreendedorismo criativo. De acordo com José Thomaz, fundador e idealizador da empresa, a expectativa é movimentar R$ 250 milhões até 2022 por meio da captação de investimentos para desenvolver novas startups.

    Yulia Reznikov/Getty Images
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Fintech Bankme movimentou R$ 70 milhões em 2020

    Lançada em agosto do ano passado, a Bankme nasceu como uma fintech que cria e opera mini bancos para empresas. A ideia é que os negócios tenham mais autonomia e segurança para definir taxas e fazer suas próprias operações, como antecipação de recebíveis, empréstimos e financiamento para toda a cadeia produtiva. A startup fechou 2020 com uma movimentação de R$ 70 milhões e, recentemente, levantou R$ 20 milhões em sua primeira rodada de investimentos, liderada pela Target Ventures. Para este ano, a expectativa é movimentar R$ 480 milhões e, até 2022, alcançar um valuation acima de R$ 65 milhões.

    Busakorn Pongparnit/Getty Images
  • O QUE MAIS ESTÁ ACONTECENDO NO ECOSSISTEMA

    Duratex cria fundo de investimentos em startups e scale-ups

    Com o objetivo de ampliar sua rede de negócios, a Duratex criou um fundo de corporate venture capital para investimentos em startups e scale-ups em diferentes estágios, com um primeiro aporte de R$ 100 milhões. Por meio desta iniciativa, a companhia pretende acompanhar as macrotendências de transformação e inovação do setor de construção, reforma e decoração, por meio do desenvolvimento de negócios inovadores e disruptivos no longo prazo.

    oxygen/Getty Images
  • CRESCIMENTO

    Plataforma de carreiras femininas cresce 400% na pandemia

    Criada em 2020 por Tati Sadala e Dhafyni Borges, a Todas Group nasceu com a missão de promover conexões entre mulheres e autoridades em suas áreas. A plataforma revelou, com exclusividade à Forbes, que, no último ano, registrou um crescimento de 400% em número de usuárias, com uma taxa de retenção de 98%. Segundo as fundadoras, mais de 50% dos investidores-anjo são mulheres. Para encorajar a comunidade, o site promove encontros com líderes femininas, experiências ao vivo, bate-papos e masterclasses, entre outras ações, por meio de planos de assinatura.

    Divulgação
  • AQUISIÇÕES

    Visa adquire plataforma europeia de banco aberto Tink

    A Visa anunciou um acordo definitivo para a compra da Tink, startup europeia que funciona como uma plataforma de banco aberto que permite que instituições, fintechs e estabelecimentos comerciais criem ferramentas de gestão financeira, produtos e serviços personalizados para consumidores e empresas da Europa com base em seus dados financeiros. A aquisição da Tink custará € 1,8 bilhão à Visa, e a contrapartida financeira inclui dinheiro e incentivos de retenção.

    Holloway/Getty Images
  • AQUISIÇÕES

    Porto Seguro compra ConectCar e reforça estratégia de inovação

    A Porto Seguro adquiriu 50% das ações da ConectCar, empresa que tem como acionista o Grupo Itaú Unibanco, controlador da Ipiranga. A startup, que passará a integrar o ecossistema Porto Seguro, atua no segmento de pagamentos eletrônicos automáticos em pedágios, estacionamentos, drive thrus e outros serviços. Para efetivar a aquisição, o negócio ainda precisa ser aprovado pelo CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) e Banco Central. O valor da operação é de R$ 165 milhões, sujeito a ajuste até a liquidação final da transação.

    metamorworks/Getty Images
  • IMPACTO SOCIAL

    LinkedIn disponibiliza campo exclusivo para pronomes no perfil dos usuários

    O LinkedIn lançou um campo exclusivamente dedicado para a identificação de pronomes dos usuários. O recurso, que já foi implementado nos Estados Unidos, chegou ao Brasil, México, França, Alemanha, Noruega e Dinamarca, este mês. Além das opções ele/dele, ela/dela e eles/deles, é possível adicionar pronomes personalizados e indicar se a informação deve ser compartilhada entre todos os usuários da rede ou apenas entre as conexões de primeiro grau, que ocorre quando o usuário aceita o convite de outras pessoas ou vice-versa. Segundo a plataforma, os pronomes não serão indexados nos campos de pesquisa e, portanto, não poderão ser achados desta forma, para evitar discriminação nas buscas.

    NurPhoto/Colaborador/Getty Images

TENDÊNCIAS INTERNACIONAIS

Vendas de smartphones aumentam mais de 20% em 2021

As vendas globais de smartphones para usuários finais cresceram 26% no primeiro trimestre de 2021 em relação ao mesmo período do ano anterior e 22% na comparação ano a ano, de acordo com pesquisa do Gartner. O estudo indica que o lançamento de smartphones de preço médio, com valores abaixo de US$ 150, impulsionou as vendas de unidades da Samsung em todo o mundo.

A fabricante sul-coreana ficou em primeiro lugar no ranking de fornecedores de smartphones, com cerca de 76 milhões de unidades vendidas em todo o mundo no primeiro trimestre, com uma participação de mercado de 20,3%. A Apple voltou à vice-liderança, depois de garantir o topo do ranking global no quarto trimestre de 2020. A multinacional norte-americana vendeu, aproximadamente, 58,55 milhões de unidades de smartphones para usuários finais e encerrou os primeiros meses do ano com uma participação de 15,5% no mercado global.

O levantamento considera, ainda, que todos os cinco principais fornecedores globais de smartphones – Samsung, Apple, Xiaomi, Vivo e Oppo – registraram forte crescimento na comparação com 2020, indicando que o mercado de telefonia está se consolidando em torno desses fornecedores. O relatório indica que os fabricantes Xiaomi, Oppo e Vivo testemunharam a crescente demanda por smartphones 5G e capitalizaram as oportunidades devido ao enfraquecimento das vendas da Huawei e LG globalmente neste trimestre.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).