Dia dos Avós: 10 aplicativos que facilitam a vida e levam diversão aos idosos

Inclusão digital melhora a comunicação, aumenta a independência e promove a saúde mental.

Mateus Omena
Compartilhe esta publicação:
SolStock/Getty Images
SolStock/Getty Images

Estudo aponta que o bom uso das plataformas digitais possibilita aos idosos um bem-estar psicológico e melhor satisfação com a vida

Acessibilidade


O Dia dos Avós, comemorado hoje (26) no Brasil, Espanha e Portugal, é uma referência ao dia de Santa Ana e São Joaquim, os avós de Jesus Cristo. Além de celebrar o vínculo – muitas vezes extremamente forte – entre essas duas gerações, a data também serve para incentivar a conscientização das pessoas em relação à sabedoria e à experiência dos mais velhos, além de suas condições de vida.

A ocasião também desperta o debate sobre a longevidade, já que a população acima dos 60 anos está crescendo no país. Segundo dados da UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora), o número de idosos no Brasil passou de 29,9 milhões em 2020 e deve alcançar 72,4 milhões até 2100. Embora não exista uma fórmula mágica para prorrogar a vida, a ciência tem mostrado que a adoção de determinados hábitos, de maneira recorrente, contribuem para um envelhecimento saudável. Entre eles estão boa alimentação, atividades físicas, bem-estar mental e emocional e diversão. E, diante dessas necessidades, que podem ficar cada vez mais difíceis de serem supridas com os anos, a tecnologia pode se tornar uma grande aliada.

LEIA TAMBÉM: 5 plataformas que oferecem suporte a vítimas de violência contra a mulher

Os dispositivos móveis e as plataformas digitais têm ajudado a melhorar a qualidade de vida dos mais velhos, aumentando a sensação de pertencimento e, consequentemente, a disposição. Além disso, a tecnologia facilita suas rotinas, permitindo que se tornem mais independentes, sem precisar tanto da ajuda dos filhos e dos netos. Existem, ainda, os recursos online de comunicação, capazes de propiciar conversas a distância mais frequentes com amigos e familiares, prática que se tornou muito comum durante a pandemia e forte aliada para afastar a solidão. E, por fim, as atividades e jogos específicos que, na palma da mão, os mantêm mentalmente ativos.

De acordo com um levantamento realizado em 2020 por pesquisadores da Universidade Federal do Maranhão, essas tecnologias têm contribuído para reduzir os efeitos adversos sobre a saúde mental dos idosos durante o isolamento social, principalmente a solidão e a depressão. E, entre os benefícios do contato social via internet, estão o envelhecimento ativo, aumento da sensação de segurança, autonomia e prazer. Além de possibilitar um bem-estar psicológico e melhor satisfação com a vida.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Embora muita gente ache que a população mais velha tende a ficar estagnada diante de uma sociedade marcada por um estilo de vida acelerado, que passa por mudanças em tempos cada vez menores, a inclusão digital precisa ser encarada como um recurso para combater o isolamento e promover o relacionamento com o mundo contemporâneo.

Veja, na galeria de fotos abaixo, 10 aplicativos que podem contribuir com a qualidade de vida dos idosos:

  • iDosos

    Alguns idosos não têm tanta facilidade para usar dispositivos tecnológicos e, nesses casos, o iDosos pode dar uma força. O aplicativo oferece tutoriais para ensinam, de maneira simples, como utilizar as funções básicas de um smartphone, como por exemplo, fazer ligações, enviar mensagens, configurar agenda e alarmes. As explicações funcionam por meio de Emojis e áudios. O aplicativo está disponível gratuitamente no Android.

    Divulgação
  • Dits

    O Dits é um aplicativo desenvolvido pela farmacêutica Sanofi para auxiliar as pessoas no controle diário da diabetes. A ferramenta conta com funções que monitoram frequentemente a glicemia e ajustam medicações em geral ou insulinas, mediante orientação médica, contribuindo para prevenir complicações.

    O aplicativo é simples e intuitivo e traz uma série de funcionalidades para a observação dos parâmetros de saúde do paciente, inclusive o compartilhamento das informações com o médico que acompanha o tratamento. Nele, é possível registrar os índices glicêmicos (atuais e retroativos), mantendo um diário; consultar a tabela nutricional dos alimentos; automatizar todas as etapas para a realização do cálculo de dose de insulina (correção de glicemia e pós-refeição); além de ter uma linha do tempo educacional com vídeos, imagens e notícias sobre a doença. O Dits está disponível gratuitamente em Android e iOS.

    Divulgação
  • Be2

    Durante o isolamento social, os aplicativos de namoro tiveram alta expressiva de novos usuários. E, entre as pessoas com mais de 60 anos, o queridinho é o Be2. No app, o usuário pode encontrar pessoas da sua região, da idade de sua preferência e que compartilham os mesmos interesses.

    A ferramenta permite a criação de perfis para pessoas solteiras, teste de personalidade, troca de mensagens e proteção da privacidade. Mas, vale lembrar que, ao marcar um encontro, escolha locais acessíveis e envie suas informações de localização para alguém de confiança. O app está disponível gratuitamente no iOS.

    Divulgação
  • CodyCross

    Em qualquer idade é importante exercitar o cérebro, inclusive quando se trata de diversão. Por isso, o CodyCross pode ser uma ótima opção para quem gosta de palavras cruzadas. No aplicativo, o usuário precisa descobrir as respostas para passar de fase além de recorrer às suas habilidades de conhecimentos gerais. O jogo está disponível gratuitamente para Android e iOS.

    Divulgação
  • Idoso Ativo

    Para aqueles que fazem questão de praticar atividades físicas com frequência, o aplicativo Idoso Ativo pode ser um importante aliado. Trata-se de um guia de exercícios elaborado especificamente para os idosos, com atividades que não danificam as articulações.

    O aplicativo oferece também instruções e dicas de movimentos, com foco principalmente nos membros inferiores, na postura correta, no equilíbrio e no andar, a fim de melhorar as condições de mobilidade. O Idoso Ativo é gratuito e está disponível para Android e iOS.

    Divulgação
  • LastPass Password Manager

    Trata-se de um gerenciador e gerador de senhas que guarda essas informações em um cofre seguro. Nesse espaço, o usuário armazena senhas e logins, cria perfis de compras online, gera senhas fortes, rastreia informações pessoais em notas e muito mais. Basta lembrar da senha mestra e o sistema preencherá automaticamente os logins do aplicativo e o navegador da web. O LastPass está disponível para Android e iOS.

    Divulgação
  • Divulgação
  • Caixa de Remédios

    O app é recomendado para aqueles que precisam ou gostam de organizar seus medicamentos de maneira dinâmica e prática. A ferramenta também emite lembretes para que o usuário não esqueça de tomar as pílulas de acordo com a programação.

    O Caixa de Remédios apresenta informações simples sobre os medicamentos, suas funções, componentes e dosagens adequadas. O aplicativo também monta uma agenda para orientar o usuário e permite a ele adicionar as pessoas de quem recebe cuidados, pois os lembretes de horários são individualizados para cada pessoa incluída como paciente. O aplicativo é gratuito e está disponível para Android e iOS.

    Divulgação
  • Divulgação
  • Easy Idoso

    O app oferece alternativas de atividades físicas para idosos, além de uma lista de associações voltadas a esse público, casas de repouso e centros de beleza com base na geolocalização do usuário. O aplicativo pode ser usado como uma ferramenta de busca de serviços e lazer perto de casa. O Easy Idoso está disponível gratuitamente para Android e iOS.

    FG Trade/Getty Images

iDosos

Alguns idosos não têm tanta facilidade para usar dispositivos tecnológicos e, nesses casos, o iDosos pode dar uma força. O aplicativo oferece tutoriais para ensinam, de maneira simples, como utilizar as funções básicas de um smartphone, como por exemplo, fazer ligações, enviar mensagens, configurar agenda e alarmes. As explicações funcionam por meio de Emojis e áudios. O aplicativo está disponível gratuitamente no Android.

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: