O Mundo dos Unicórnios: Nubank

SOPA Images/Getty Images
SOPA Images/Getty Images

Por meio do aplicativo, o cliente é capaz de acompanhar compras em tempo real, bloquear e desbloquear o cartão, pedir aumento de limite e usar pontos acumulados

O Nubank é, atualmente, a sétima startup mais valiosa do mundo, segundo um ranking da consultoria CBS Insights. A conquista veio em junho deste ano, quando a fintech brasileira recebeu US$ 500 milhões da Berkshire Hathaway, gestora do bilionário Warren Buffett, que elevou seu valor de mercado para US$ 30 bilhões. O Nubank está atrás apenas da Bytedance (dona do Tiktok), SpaceX (de Elon Musk), Didi Chuxing (dona da 99 no Brasil), Stripe, Instacart e Klarna.

Criado em 2013 por David Vélez, Cristina Junqueira e Edward Wible, o banco digital nasceu com a missão de acabar com a burocracia e revolucionar o mercado de serviços financeiros. Para isso, a fintech oferece cartão de crédito internacional sem anuidade, programa de benefícios, empréstimo pessoal e com portabilidade, conta PJ sem tarifas de manutenção, seguro de vida e conta digital gratuita, com transferências sem custos para qualquer instituição bancária. Por meio do aplicativo, o cliente é capaz de acompanhar compras em tempo real, bloquear e desbloquear o cartão, pedir aumento de limite e usar pontos acumulados, entre outros serviços.

LEIA TAMBÉM: Nubank estreia em investimentos com aplicações a partir de R$ 1

No ano seguinte de sua fundação, a startup levantou US$ 15 milhões em sua rodada de investimentos série A, liderada pela Sequoia Capital e Kaszek Ventures. Em março de 2018, a fintech anunciou um aporte de outros US$ 150 milhões na sua sexta rodada de investimentos, liderada pelo fundo DST Global. Na mesma época, o Nubank uniu-se às brasileiras 99 e PagSeguro no clube das startups unicórnios, elevando sua avaliação de mercado para mais de US$ 1 bilhão.

Hoje, a fintech tem mais de 30 milhões de clientes em todos os 5.570 municípios do Brasil. A empresa conta com mais de 3.000 colaboradores, dos quais 41% são mulheres ocupando todas as funções e níveis de senioridade, e 26% fazem parte da comunidade LGBTQIA+. Recentemente, a startup anunciou a cantora Anitta como uma de suas conselheiras, ao lado de Anita Sands e Jacqueline Reses. Em reuniões trimestrais, a carioca irá debater com os executivos da empresa o futuro e as decisões estratégicas do banco.

Veja, no infográfico abaixo, quatro coisas que você precisa saber sobre o Nubank:

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).