SoftBank investe na Gympass, Mercado Bitcoin levanta US$ 200 milhões, Zoop, CMR Surgical & Muito Mais

SoftBank investe US$ 220 milhões na Gympass

A Gympass, que torna a adesão a academias mais acessível para funcionários corporativos, levantou US$ 220 milhões em uma rodada de financiamento liderada pelo SoftBank Group. A operação, que contou com a participação de General Atlantic, Moore Strategic Ventures, Kaszek e Valor Capital Group, mais que dobrou o valor da startup, para US$ 2,2 bilhões. Com o caixa reforçado, a Gympass investirá na expansão pelos Estados Unidos e entrada em novas categorias. “Dormir melhor, comer melhor, fazer exercícios, ter certeza que sua saúde mental e emocional está no lugar certo, tudo isso vai fazer muito mais parte da nossa rotina”, disse Cesar Carvalho, cofundador e presidente-executivo da Gympass.

LEIA MAIS: SoftBank lidera nova rodada de financiamento na Gympass, avaliando startup em US$ 2,2 bilhões

Mercado Bitcoin recebe US$ 200 milhões do SoftBank

Ontem (1), o Mercado Bitcoin recebeu um aporte de US$ 200 milhões do SoftBank Latin America Fund, informou a holding 2TM, que controla a plataforma de negociação de criptomoedas que acumula uma base de 2,8 milhões de clientes. Segundo a companhia, o investimento será utilizado para aumentar a escala da plataforma, expandir suas ofertas e investir em infraestrutura para atender à crescente demanda por criptomoedas na América Latina.

LEIA MAIS: Mercado Bitcoin recebe aporte de US$ 200 milhões do SoftBank

CMR Surgical levanta US$ 600 milhões em financiamento série D

A CMR Surgical, empresa global de robótica cirúrgica, captou US$ 600 milhões em uma rodada de financiamento série D. O SoftBank Vision Fund 2 liderou a rodada, que também contou com a participação do Ally Bridge Group. O aporte servirá para aumentar a comercialização global do Versius, sistema robótico cirúrgico da companhia, e desenvolver seu ecossistema digital.

Zoop capta R$ 170 milhões da Movile

Nesta semana, a Zoop, empresa de tecnologia para meios de pagamentos e serviços financeiros, anunciou o recebimento de R$ 170 milhões do grupo Movile. “Com o aporte, faremos novos investimentos em tecnologia para o desenvolvimento de soluções para os nossos parceiros, que já somam 640”, disse o presidente-executivo e cofundador da Zoop, Fabiano Cruz.

LEIA MAIS: Fintech Zoop recebe aporte de R$ 170 milhões da Movile para expandir operações

Wejo levanta US$ 25 milhões 

A britânica Wejo, startup de dados automotivos apoiada pela General Motors, revelou que a Microsoft e a seguradora Sompo Holdings vão investir US$ 25 milhões na empresa. O investimento ocorre no momento em que a Wejo se prepara para abrir o capital no final do ano, por meio de uma fusão reversa com a Virtuoso Acquisition. 

LEIA MAIS: Microsoft e Sompo investirão US$ 25 milhões na startup Wejo

Livance levanta R$ 30 milhões

Prestes a concluir sua rodada de investimento série A no valor de R$ 30 milhões, a Livance, startup que oferece IaaS (infraestrutura como serviço, da sigla em inglês), pretende aprimorar as áreas de marketing, vendas, produto e tecnologia. O aporte contou com a participação da Cadonau Investimentos, Astella Investimentos, Terracotta Ventures, Green Rock e Mago Capital. A plataforma da startup oferece uma rede de consultórios para médicos, nutricionistas, fisioterapeutas e psicólogos.

Uello recebe aporte de R$ 17 milhões em rodada série A

A logtech Uello concluiu sua rodada de investimento série A, no valor de R$ 17 milhões, em operação liderada pelo britânico Better Tomorrow Ventures. A empresa, que possui 100 colaboradores e cerca de 250 clientes como Enjoei, Polishop, Arezzo e outros, utilizará o dinheiro para crescer e desenvolver novos produtos. O objetivo é criar uma solução tecnológica para gerir a logística das empresas que possuam operação própria, expandir as operações pelo país e aprimorar a qualificação da equipe.

HUB Tech-Fin capta R$ 2 milhões em rodada seed

Criada para apoiar empresas brasileiras na prestação de serviços financeiros sem a  necessidade de bancos, a Aarin, Hub Techfin especializado em PIX e open banking, levantou R$ 2 milhões em sua rodada seed. Entre os investidores estão RB3 Participações e Cubos Venture Studio, além de executivos do Brasil, Estados Unidos e Espanha. Os recursos serão empregados em tecnologia, produto, crescimento e colaboradores. Fundada em janeiro deste ano por Ticiana Amorim, em Salvador (BA), a startup já transacionou cerca de R$ 5 milhões de pagamentos e pretende registrar, até o final do ano, R$ 750 mil. A fintech já atende clientes como Desinchá, Dobra, Gregory, Zigpay, Quero Delivery, Pede Aí, Latam Gateway e Hard Rock Café no Brasil, entre outros.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).