O Mundo dos Unicórnios: Creditas

Startup brasileira opera como uma plataforma de serviços financeiros e crédito com garantia.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Rafael Henrique/Getty Images
Rafael Henrique/Getty Images

A Creditas opera como uma plataforma online de crédito com garantia, com a missão de proporcionar progresso financeiro a seus clientes

Acessibilidade


A Creditas surgiu em 2012, com o nome BankFacil, operando como uma solução digital que comparava preços e produtos financeiros para facilitar o acesso às melhores taxas e condições. Fundada na cidade de São Paulo pelo espanhol Sergio Furio, a startup recebeu um investimento seed no ano seguinte, de R$ 3 milhões, do fundo brasileiro Napkn Ventures, da Rockaway Capital, da República Tcheca, e de investidores-anjo.

Em 2016, a companhia levantou mais R$ 15 milhões em sua primeira rodada de investimento institucional, a chamada série A. A operação foi concluída com participação dos fundos Redpoint, e.ventures, Quona Capital, QED Investors e Kaszek Ventures. Somados aos investimentos feitos em junho de 2015, a BankFacil acumulava, na época, R$ 25 milhões em aportes recebidos.

Siga todas as novidades da Forbes Tech no Telegram

Com o caixa reforçado, vieram também as primeiras reformulações na operação. A empresa deixou de atuar como um comparador de produtos financeiros para focar exclusivamente em crédito com garantia. Na mesma época, a startup atingiu a marca de 100 colaboradores e abriu um escritório na zona sul de São Paulo, onde está localizada até hoje, além de manter escritórios em Barueri (SP), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Valência (Espanha) e Cidade do México.

A partir de então, a empresa deu um salto. Depois de mais uma captação, desta vez de R$ 60 milhões do fundo Naspers e da International Finance Corporation, braço de investimentos do Banco Mundial, a BankFacil mudou de cara, e, em 2017, passou a se chamar Creditas. Segundo Furio, a alteração foi pensada para reafirmar o compromisso da companhia com o crédito. “Não queremos ser um banco. Nossa intenção era deixar isso claro na nova marca”, disse.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Como fintech, a Creditas passou a operar como uma plataforma online de crédito com garantia, com a missão de proporcionar progresso financeiro a seus clientes e ajudá-los a realizar projetos de vida. Hoje, a startup tem uma portfólio que inclui empréstimos com garantia de imóvel, de veículo e consignado privado, além de soluções que viabilizam o acesso a opções integradas de compra, venda e financiamento. Para empresas, oferece uma plataforma exclusiva, a @Work, com benefícios corporativos para potencializar o salário dos colaboradores e simplificar a gestão do RH.

Com o crescimento acelerado, a companhia conquistou um lugar no seleto grupo de startups unicórnio em dezembro de 2020. A novidade foi impulsionada por um aporte série E de US$ 225 milhões, que conferiu à empresa um valor de mercado de US$ 1,75 bilhão. O investimento teve a participação dos acionistas atuais – SoftBank Vision Fund 1, SoftBank Latin America Fund, VEF, Kaszek e Amadeus Capital -, mas atraiu novos investidores, como o fundo LGT Lightstone, Tarsadia Capital, Wellington Management, e.ventures e Advent International, por meio de sua afiliada Sunley House Capital.

Veja, no infográfico abaixo, quatro coisas que você precisa saber sobre a Creditas:

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: