Do delivery aos investimentos, como a computação quântica muda nossa vida

IBM apresentou nesta terça-feira, 16, um processador que já não pode mais ser simulado por computadores convencionais; veja como isso afeta o cotidiano de pessoas e empresas.

Luiz Gustavo Pacete
Compartilhe esta publicação:

Modelo de exposição do computador quântico IBM Q System One (Crédito: Misha Friedman / Getty Images)

Acessibilidade


A IBM apresentou, em um evento nesta terça-feira, 16, o Eagle, um processador quântico que duplica a potência de outros super computadores que foram desenvolvidos anteriormente na China. De acordo com um artigo publicado pela revista Science, pelos próprios criadores, o Eagle leva três minutos para resolver problemas que os computadores mais eficientes levariam 600 milhões de anos.

LEIA TAMBÉM: Muito além do conceito, metaverso já movimenta negócios bilionários

Apesar da ordem de grandeza, a computação quântica nem sempre é fácil de ser compreendida e, em muitos casos, dimensionar seu impacto na vida cotidiana pode ser um desafio. A pedido da Forbes Brasil, Alexandre Nascimento, professor da Singularity University Brasil e pesquisador de Stanford, indicou dez impactos práticos que a computação quântica trará para a vida de pessoas e empresas.

Respostas mais rápidas
“A computação quântica irá turbinar a velocidade de resolução de problemas computacionais de otimização que hoje não podem ser resolvidos em tempo razoável considerando a longevidade humana. Por exemplo, em 2020, o computador quântico chinês conhecido como Jiuzhang conseguiu realizar em minutos uma operação que um supercomputador levaria mais de 2 bilhões de anos para executar”

Previsão do tempo
“Aplicações da computação quântica na previsão do tempo e no monitoramento de desastres naturais permitirão uma precisão muito superior, trazendo mais conforto e principalmente salvando vidas, além de permitir uma resposta antecipada da Defesa Civil para reduzir os prejuízos materiais que tempestades causam para a população”

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Enfim, uma solução para o trânsito
“Essa tecnologia pode ser utilizada para realizar otimizações que permitem a redução de congestionamentos em grandes centros urbanos”

Entregas mais rápidas e mais baratas
“Com a otimização logística, ela permitirá uma redução no tempo de entrega de produtos e uma queda considerável no frete”

Aplicativos mais eficientes
“Testar um sistema para garantir que ele não tenha problema é uma tarefa árdua e cara, e, pelo número de combinações existentes para sistemas de complexidade, torna-se impossível garantir que todas as condições foram testadas. Com a computação quântica, é possível melhorar a verificação dos sistemas de forma a reduzir a probabilidade de defeitos”

Revolução na saúde
“A tecnologia quântica se tornará uma ferramenta importante para o desenvolvimento de novos medicamentos, ajudando a encontrar quais são os princípios ativos com maior probabilidade de se obter os efeitos desejados, e, reduzindo o tempo de desenvolvimento dos novos medicamentos”

Mapeamento do clima
“A capacidade de processamento para modelos complexos da computação quântica em tempo reduzido nos permitirá entender melhor quais são as melhores formas de desacelerarmos a mudança climática ou ainda atuarmos para reverter muitos de seus efeitos”

Investimentos
“Os computadores quânticos trarão modelos mais assertivos para previsão de eventos adversos na economia e no mercado financeiro, bem como permitirá uma melhor otimização do portfólio de investimentos, deixando os investidores menos expostos a eventos inesperados”

Baterias mais potentes
“A computação quântica já está ajudando empresas do setor automotivo na criação de baterias melhores, com isso, no futuro, novas gerações de baterias com características operacionais superiores estarão à disposição”

Energia renovável e barata
“A tecnologia permite que métodos de otimização sejam utilizados tanto para encontrar a melhor combinação de geração de energia em matrizes híbridas (convencional e renovável) como para encontrar a combinação perfeita para construir infraestrutura de geração de energia solar e eólica”

Compartilhe esta publicação: