Djamila Ribeiro atuará na oferta de filmes e séries para streaming

A escritora se uniu à AFAR Ventures e à agência de talentos Casé Fala para desenvolver iniciativas voltadas ao audiovisual.

Luiz Gustavo Pacete
Compartilhe esta publicação:

Djamila Ribeiro: “há muito mais na representação positiva de mulheres e homens negros do que tem sido feito ao longo dos anos e na atualidade” (Crédito: Divulgação)

Acessibilidade


Djamila Ribeiro, escritora, filósofa e empresária, escolhida pela Forbes Brasil como uma das Mulheres de Sucesso em 2021, está se juntando à AFAR Ventures, empresa de mídia e inteligência de mercado com sede nos Estados Unidos e a Casé Fala, agência de talentos e consultoria em diversidade com sede em São Paulo, para oferecer projetos de filmes e séries para plataformas de streaming e estúdios de cinema. O acordo prevê o desenvolvimento de séries ficcionais, documentários, talk shows e demais produções para cinema, TV e formatos digitais.

“É com muita alegria que faço parte dessa união. Há muito mais na representação positiva de mulheres e homens negros do que tem sido feito ao longo dos anos e na atualidade. Por uma série de razões, pessoas negras têm pouco acesso a poder político e econômico nessa indústria. Estamos entrando para construir um novo capítulo na história do audiovisual brasileiro de projeção internacional”, diz Djamila.

LEIA TAMBÉM: Mulheres de Sucesso: Forbes destaca 20 nomes em 2021

Para a realização dessa parceria as empresas iniciarão o diálogo com as plataformas para apresentar os projetos logo no início de 2022, e a expectativa é desenvolver em torno de dez produções nos próximos anos. Além disso, a partir de janeiro o projeto contará com uma representação em Los Angeles para criar conexões com produtoras, atores e cineastas de Hollywood, por meio da atuação de David A. Wilson, ex-vice Presidente da BET e cofundador da plataforma The Grio.com e sócio da AFAR Ventures. O executivo está de volta aos Estados Unidos, depois de uma temporada no Brasil, com objetivo de acelerar parcerias com esse fim.

“Queremos levar as histórias negras do Brasil para o mundo. Hoje em dia, quanto mais local e diverso o conteúdo, mais chance ele tem de ganhar uma escala mundial. O mundo quer descobrir o que os afro-brasileiros têm a dizer”, explica David Wilson. “Essa parceria com Djamila Ribeiro é muito importante porque ela é umas das principais intelectuais negras da América Latina, e isso é de uma representatividade imensa”, completa David.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Casé Fala, idealizada por Patrícia Casé e Fabiana Oliva, já vem gerenciando a carreira de Djamila Ribeiro, e também tem uma parceria comercial com AFAR. “O caminho até a produção audiovisual é natural”, conta Patrícia Casé.

Compartilhe esta publicação: