Faith Connexion lança o Faith Tribe, iniciativa que alia moda e blockchain

Marca apresentará sua plataforma de tokenização na Art Basel, em Miami, nesta semana, com o foco em contribuir para o fomento do ecossistema criativo e empreendedor .

Luiz Gustavo Pacete
Compartilhe esta publicação:

Criada em 2000, a Faith Connexion tem como premissa o código aberto, a cocriação e a democratização no mercado de luxo (Crédito: Getty Images)

Acessibilidade


A Faith Connexion lançou a Faith Tribe, um ecossistema de iniciativas baseadas em blockchain. O projeto será apresentado durante a Art Basel, em Miami, de 1 a 4 de dezembro, e foi desenvolvido em parceria com o Brock Pierce e a Define Labs. De acordo com a empresa, a Faith Tribe vai além do que apenas uma plataforma de tokenização, mas opera como um ecossistema que tem como objetivo democratizar a moda e permitir novas oportunidades e possibilidades para criadores, artistas e empreendedores desse ecossistema.

FAITH será a moeda oficial utilizada no ecossistema da Faith Tribe (Crédito: Reprodução)

A Faith Connexion atua com o conceito de código aberto na moda, ou seja, privilegiando as dinâmicas colaborativas de cocriação e desenvolvimento de novas possibilidades. De acordo com a marca, com essa iniciativa, o objetivo é escalar e expandir seu alcance colaborativo de forma global. A FAITH será a moeda utilizada na Faith Tribe e os NFTs criados serão suportados pelas redes de blockchain Ethereum e Polygon.

LEIA TAMBÉM: A potência de criação da Cidade Matarazzo

“Ao contrário da grande maioria das marcas de luxo que se orgulham de serem exclusivas, ao invés de inclusivas; os tempos estão mudando, e hoje, os entusiastas da moda e da arte querem deixar sua própria marca e individualizar suas roupas. Sempre incentivamos colaborações e convidamos artistas a contribuir conosco”, afirmou Wahid Pierre Chammas, fundador do Faith Tribe.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Pierre ainda explica que o objetivo é eliminar as barreiras para o surgimento de talentos. Para isso, a marca se propõe a “desenvolver o primeiro ecossistema totalmente descentralizado e de propriedade da comunidade para a criação colaborativa de itens de moda.” “Nas últimas duas décadas, estive obcecada em construir uma marca divertida, empolgante e elegante que sempre foi aberta e colaborativa”, acrescenta Maria Buccellati, fundadora e CEO da Faith Connexion.

Compartilhe esta publicação: