Ações da Nintendo caem 6% com atraso de "Legend of Zelda"

A Nintendo está se preparando para lançar a sequência ainda sem título de Zelda.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

As ações da Nintendo caíram 6% depois que anunciou adiamento do lançamento da esperada sequência “Legend of Zelda: Breath of the Wild” para 2023

Acessibilidade


As ações da Nintendo caíram 6% hoje depois que anunciou adiamento do lançamento da esperada sequência “Legend of Zelda: Breath of the Wild” para 2023.
A queda ocorre depois que as ações da Nintendo subiram 25% no acumulado do ano até o fechamento de ontem, afastando preocupações de que o console Switch possa ter atingido um pico de vendas. A empresa atualizou o console em outubro e lançou de um título da franquia “Pokémon” que foi aclamado pela crítica em janeiro.
A Nintendo está se preparando para lançar a sequência ainda sem título de Zelda em uma indústria que recentemente viu o lançamento dos jogos de aventura “Elden Ring”, da Kadokawa e Bandai Namco; e “Horizon Forbidden West”, da Sony < 6758.T>.
Apesar do atraso de Zelda, a Nintendo tem um forte conjunto de lançamentos para 2022, com o games de tiro “Splatoon 3”, previsto para meados do ano, e mais dois títulos de Pokémon programados para serem lançados no final do ano.
“Se há um ano em que a Nintendo pode se dar ao luxo de adiar Zelda, é este ano”, disse Serkan Toto, fundador da consultoria Kantan Games. “O ano fiscal ainda nem começou e eles anunciaram todos esses títulos de grande sucesso”, acrescentou.
Os jogos desenvolvidos internamente representaram 84% das vendas de software da Nintendo no terceiro trimestre encerrado em dezembro. O console Switch acumula vendas de mais de 100 milhões de unidades, com mais de 750 milhões de jogos comercializados.

Compartilhe esta publicação: