FIFA lança plataforma de streaming com 40 mil transmissões ao vivo

Por trás do investimento, Gianni Infantino, presidente da entidade, defende que o conteúdo possibilitará um maior alcance do futebol.

Andressa Barbosa
Compartilhe esta publicação:
Jose Cabezas/Reuters
Jose Cabezas/Reuters

Por trás do investimento, Gianni Infantino, presidente da entidade, defende que o conteúdo possibilitará um maior alcance do futebol

Acessibilidade


A FIFA anunciou, nesta semana, o lançamento do FIFA+, plataforma digital de classe mundial criada para conectar fãs de futebol do mundo. O FIFA+ fornecerá acesso a partidas de futebol ao vivo de todos os cantos do mundo, jogos interativos, notícias, informações sobre torneios e conteúdo de vídeo.

Segundo Gianni Infantino, presidente da FIFA, “o FIFA+ representa o próximo passo em nossa visão de tornar o futebol verdadeiramente global e inclusivo e sustenta a missão central da FIFA de expandir e desenvolver o futebol globalmente. Isso acelera a democratização do futebol e estamos muito satisfeitos em compartilhá-lo com os torcedores”.

Partidas ao vivo

Até o final de 2022, o FIFA+ transmitirá o equivalente a 40 mil jogos ao vivo por ano em todas as seis confederações, incluindo 11 mil partidas femininas. O FIFA+ oferece cobertura ao vivo das principais ligas da Europa, as competições anteriormente não atendidas de todo o mundo no futebol masculino, feminino e juvenil. Desde o lançamento, 1.400 partidas serão transmitidas ao vivo mensalmente no FIFA+.

Arquivo FIFA+

Antes da Copa do Mundo da FIFA Qatar 2022, o FIFA+ será o lar de todas as partidas da Copa do Mundo da FIFA e da Copa do Mundo Feminina da FIFA, afirmou a entidade totalizando mais de 2 mil horas de conteúdo. Pela primeira vez, todo este arquivo estará disponível para os fãs que poderão assistir a replays de partidas completas. O FIFA+ Archive será lançado com mais de 2,5 mil vídeos desde a década de 1950, com muitos mais por vir ao longo do ano.

Compartilhe esta publicação: