Apple lançará nova Apple TV surpresa que é radicalmente diferente, afirmam fontes

A empresa deverá anunciar uma nova caixa de streaming no segundo semestre deste ano que já causa euforia entre os fãs e especialistas

David Phelan
Compartilhe esta publicação:
Reprodução/Apple
Reprodução/Apple

Apple TV 4k (2021) e novo Siri Remote.

Acessibilidade


O confiável analista Ming-Chi Kuo, da TFI Securities,  postou a nova caixa da Apple TV que chegará no segundo semestre deste ano, ou seja, a qualquer momento a partir de 1º de julho. E o novo equipamento terá algo que nenhuma Apple TV anterior teve: preço baixo. Não é que o Apple TV seja proibitivamente caro como tal, mas comparado a produtos rivais como o Amazon Fire Stick, ele se destaca. O Fire TV Stick 4K da Amazon custa R$ 252,59 (US$ 49,99), por exemplo, e se você não precisar de compatibilidade 4K ou controles de TV no controle remoto, poderá obtê-lo por apenas R$ 151,54 (US$ 29,99).

A mais recente caixa da Apple TV 4K, em comparação, custa R$ 904,47 (US$ 179) para o modelo com 32 GB de armazenamento e aproximadamente R$ 1 mil (US$ 199) com capacidade de 64 GB. Sem 4K, a versão HD (com 32 GB de armazenamento) é mais barata, mas ainda R$ 752,88 (US$ 149). A Apple TV mais recente é a melhor versão até agora, principalmente pelo novo controle remoto que é o melhor do mercado, eu diria, com uma interface excelente e altamente intuitiva, em todo o sistema Siri e uma agradável simplicidade de botões.

Leia mais: Além do trilhão: os momentos cruciais da Apple em 2022

Mas, como diz Kuo, é preciso se tornar mais competitivo, então a promessa de um modelo “que melhore a estrutura de custos” pode fazer uma grande diferença. Mas esse é o jeito da Apple? Afinal, a Amazon é aberta sobre o fato de vender seu hardware por seu preço, enquanto a Apple busca lucrar com cada dispositivo. Isso é verdade, mas há um lançamento recente que mudou completamente as coisas e serve como um precedente útil aqui: HomePod mini.

Enquanto o HomePod era um dispositivo relativamente caro, custando R$ 1763,46 (US$ 349) quando foi lançado pela primeira vez em fevereiro de 2018. Isso caiu um pouco, mas nunca foi um dispositivo barato. Por outro lado, soou melhor do que a concorrência. No entanto, quando a Apple lançou a versão menor no final de 2020, o preço foi uma das coisas que surpreendeu as pessoas: custou R$ 500 (US$ 99), preço que ainda se aplica agora. Isso significava que era o mesmo preço do Amazon Echo de quarta geração recém-lançado. Corresponder ao preço da Amazon foi uma surpresa e contribuiu para o sucesso do HomePod mini.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O pequeno alto-falante da Apple também soa muito melhor que o da Amazon, eu diria, o que também ajudou. Então, a Apple poderia fazer um golpe semelhante com a Apple TV e entregar uma nova caixa com preço similarmente agressivo aos streamers rivais? O Apple TV+, o serviço de streaming, já custa R$ 25,21 (US$ 4,99) por mês e está construindo uma forte reputação de programação excelente e de alta qualidade. Adicionar uma caixa acessível pode impulsionar as vendas do hardware e do serviço de assinatura. Como Kuo diz, “ajudará a fechar a lacuna com seus concorrentes”.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: