Caoa Chery vai produzir híbridos flex em fábrica em Goiás

O anúncio ocorre depois que a companhia informou em maio que decidiu fechar fábrica no interior de São Paulo até 2025

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Rahel Patrasso/Reuters
Rahel Patrasso/Reuters

Os modelos híbridos que começarão ser montados na fábrica de Anápolis a partir deste mês serão os utilitários Tiggo 5x PRO Hybrid e o Tiggo 7 PRO Hybrid

Acessibilidade


A montadora Caoa Chery anunciou ontem que vai começar a produzir em sua fábrica em Anápolis (GO) carros com motorização híbrida flex, dentro de estratégia para ter todos os modelos do portfólio eletrificados até o final do ano que vem.

Os modelos híbridos que começarão ser montados na fábrica de Anápolis a partir deste mês serão os utilitários Tiggo 5x PRO Hybrid e o Tiggo 7 PRO Hybrid. Atualmente, apenas a Toyota produz carros híbridos flex no Brasil.

A empresa, uma parceria da brasileira Caoa com a chinesa Chery, também vai começar a vender no final do mês um subcompacto 100% elétrico, mas importado da China. Em agosto, ainda vai começar a trazer de lá um sedã.

O anúncio ocorre depois que a companhia informou em maio que decidiu fechar fábrica no interior de São Paulo até 2025 para adaptá-la para a produção de veículos elétricos.

Os emplacamentos de carros e automóveis leves híbridos e elétricos mostram alta de 57,7% de janeiro a maio sobre mesmo período de 2021, para 16,4 mil unidades, representando uma participação do mercado de 2,4%.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

 

Compartilhe esta publicação: