Atari fez 50 anos: veja 10 fatos curiosos sobre o console

Empresa dona de um dos eletrônicos mais emblemáticos da história dos games já teve Steve Jobs como funcionário e uma versão fitness

Luiz Gustavo Pacete
Compartilhe esta publicação:
Reprodução

Para homenagear a marca, a Lego lançou um kit exclusivo que recria o console Atari 2600

Acessibilidade


A Atari, empresa criadora do console homônimo, completou 50 anos no final de junho. Mas as comemorações estão rendendo durante todo o ano. A Lego anunciou, nesta semana, o lançamento de uma versão do console Atari 2600 com cartuchos de jogos clássicos como Asteroids, Centipede e Adventure. O kit possui 2532 peças e recria o aparelho.

Leia mais: O que faz do Brasil um mercado estratégico para os games?

Nestes 50 anos, foram muitas as curiosidades de um dos consoles mais icônicos da história dos games. Entre altos e baixos, a empresa, inclusive, foi fundamental para o surgimento de clássicos como GTA, Minecraft e muitos outros títulos.

Ou seja, Atari fez escola na história dos games e sempre que possível é celebrado pelos fãs. Veja 10 fatos curiosos envolvendo a empresa e também o console que já foi classificado como “a base da indústria dos games”.

1
O único emprego de Steve Jobs

De 1974 a 1975, Steve Jobs, um dos fundadores da Apple, trabalhou na Atari naquele que é considerado seu único emprego. Em 1976, ele deixou a emopresa para criar a Apple junto com Steve Wozniak. A dupla foi responsável pelo jogo Breakout, também daquele ano.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

2
O primeiro jogo da Atari

Em 1972, ano que a empresa foi criada, também surgiu o Pong, um game que simula tênis de mesa e que foi instalado pela primeira vez em um bar na cidade de São Francisco.

Reprodução

Tentativa da Atari de combinar games e atividades físicas também por meio de joysticks de outras empresas como Gim Electronics e Suncom

3
Investimento de longo prazo?

Na época que surgiu, o console da Atari custava algo pouco mais de R$ 1 mil considerando a cotação atual do dólar. Atualmente, considerando as correções, ele valeria mais de R$ 3 mil.

4
Bill Gates também tem parte na história

Não foi só Steve Jobs que participou da história da Atari. Em um de seus programas, a empresa também contou com um desenvolvedor chamado Bill Gates, que à época, já atendia a empresa de games como um representante da Microsoft.

5
Atari para praticar exercícios físicos

A empresa lançou, em 1982, um aparelho chamado Puffer, o objetivo era utilizar o game para praticar exercícios físicos. Alguns títulos foram comercializados, mas o produto não vingou.

6
Um golpe nos fliperamas?

Em 1979, quando a Atari lançou o console Atari 2600, os fliperamas, lugar aonde as pessoas iam para jogar, ficaram vazios, já que muita gente passou a se entreter em casa.

Reprodução

A Atari Token já contou com Ronaldinho Gaúcho como garoto propaganda

7
Líder por uma década

O Atari foi lançado em 1983 no Brasil pela Gradiente e manteve por uma década sua liderança até que a Sega trouxe o Master System que acabou se tornando mais popular em seguida.

8
Tem até criptomoeda

Uma das empresas que restaram da divisão da Atari criou uma criptomoeda própria, a Atari Token (ATRI), baseada na rede Ethereum.

9
Fracasso dos portáteis

Na década de 1990, a Atari investiu no Lynx, um modelo portátil que fracassou devido a forte concorrência com o Game Boy, da Nintendo.

10
Demissão do fundador

No final da década de 1970, a Atari foi vendida para a Warner. O choque de culturas corporativas gerou vários desentendimentos entre Nolan Bushnell, o fundador da Atari, e os executivos da Warner que “demitiram” o fundador.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: