Maior produtor global de soja, Brasil aumentará plantio pelo 15º ano consecutivo

A área plantada deverá aumentar em 4%, para 40,57 milhões de hectares no ciclo 2021/2022.

Redação
Compartilhe esta publicação:
REUTERS/Roberto Samora
REUTERS/Roberto Samora

A área plantada deverá aumentar em 4%, para 40,57 milhões de hectares no ciclo 2021/2022

Acessibilidade


Impulsionados pela forte demanda, os produtores brasileiros estão preparados para expandir sua área de soja pelo 15º ano consecutivo, mostrou pesquisa da consultoria Datagro hoje (30). A área plantada com soja no maior produtor e exportador mundial deverá aumentar em 4%, para 40,57 milhões de hectares no ciclo 2021/2022.

O Brasil produzirá cerca de 144,06 milhões de toneladas de soja na próxima safra, que os agricultores começarão a plantar por volta de setembro, prevê a Datagro. Se confirmada, a produção do próximo ano, colhida a partir do final de janeiro, será 5% superior aos 136,96 milhões de toneladas da produção estimada em 2021, segundo a consultoria.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

As primeiras plantações de milho do Brasil serão expandidas em cerca de 4%, para 4,56 milhões de hectares na nova temporada, já que a demanda pelo cereal, um ingrediente-chave para a alimentação do gado, continua forte, mostram as projeções.

Com base nos padrões climáticos regulares, a primeira safra de milho do Brasil no ciclo 2021/2022 chegará a uma estimativa de 28,83 milhões de toneladas, 16% a mais que os 24,91 milhões de toneladas produzidas no ciclo anterior, informou a consultoria. A área de safrinha do milho do Brasil também deve aumentar em 5%, para 16,37 milhões de hectares no próximo ciclo.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Na ausência de problemas climáticos, a Datagro disse que os agricultores brasileiros poderiam aumentar a produção de milho segunda safra para 90,84 milhões de toneladas em 2022, 45% acima do volume projetado para a safra atual, quando a seca e uma geada inoportuna prejudicaram grande parte da safra. (com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: