Ritmo de plantio de soja do Brasil supera média histórica na safra 2021/22

Os trabalhos avançaram para 35,8% da área total esperada, uma alta de cerca de 15 p.p. ante a semana anterior.

Redação
Compartilhe esta publicação:
REUTERS/Paulo Whitaker
REUTERS/Paulo Whitaker

Os trabalhos avançaram para 35,8% da área total esperada, uma alta de cerca de 15 p.p. ante a semana anterior

Acessibilidade


O ritmo do plantio da safra de soja do Brasil está acima da média histórica na safra 2021/22, com a área semeada superando um terço do planejado, informaram consultorias hoje (25).

De acordo com a Safras & Mercado, os trabalhos avançaram para 35,8% da área total esperada até o dia 22 de outubro, uma alta de cerca de 15 pontos percentuais ante a semana anterior, com as condições climáticas favoráveis.

O plantio está mais avançado em relação a igual período do ano passado (16,3%), quando a seca evitou um ritmo mais acelerado, e acima da média de cinco anos para o período (27,3%).

LEIA TAMBÉM: Ministros do Brasil e China discutem retomada de exportações de carne bovina

A AgRural também detectou forte avanço no plantio de soja, marcando um índice de 38% até quinta-feira, “o segundo mais alto para esta época do ano, atrás apenas da safra 2018/19, e representa avanço de 6,2 milhões de hectares sobre a semana anterior.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“Com boa umidade no solo, os produtores aproveitaram os momentos de tempo aberto da semana passada para acelerar as plantadeiras. Em Mato Grosso e no Paraná, as regiões mais adiantadas já se aproximam da reta final do plantio”, disse a AgRural.

Nos outros Estados, os trabalhos engrenaram e estão à frente da média de cinco anos no Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia) e no Rio Grande do Sul, que têm calendário mais tardio.

“Pontos secos em Mato Grosso, Goiás e Minas Gerais, porém, merecem atenção”, segundo a consultoria. Produtores também estão adiantados com o plantio de milho primeira safra.

No centro-sul, o milho estava 53% plantado até quinta-feira (21), ante 45% na semana precedente e 46% na média de cinco anos, segundo a AgRural. “Com o Sul na reta final, a semeadura agora avança nos demais estados conforme a umidade do solo vai melhorando”, afirmou.

Segundo a Safras & Mercado, o plantio de milho verão no Brasil atingia 63,7% da área estimada de 4,385 milhões de hectares até a última sexta-feira (22). (com Reuters)

Compartilhe esta publicação: