Trigo atinge máxima de 8 anos e meio em Chicago por forte demanda

Os futuros do milho também avançaram com a força.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Enrique Marcarian/Reuters
Enrique Marcarian/Reuters

O trigo disparou após diversos negócios no mercado de exportação

Acessibilidade


Os contratos futuros do trigo dos Estados Unidos subiram para máximas em oito anos e meio hoje (1), impulsionados pela forte demanda em um cenário de aperto da oferta mundial.

Os futuros do milho avançaram com a força, seguindo os ganhos do trigo, disseram traders.

LEIA TAMBÉM: Vegano também é agro e depende do produtor para produzir seu alimento

O trigo disparou após diversos negócios no mercado de exportação, com destaque um volume de 1,3 milhão de toneladas comprado pela Arábia Saudita. Os comerciantes aguardam o resultado de uma licitação do Egito, maior comprador mundial do grão.

“O mercado de trigo atinge novas máxima em meio à forte demanda global”, disse a CHS Hedging em nota.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Na bolsa de Chicago, o contrato mais ativo do trigo quase 3%, para US$ 7,9325 o bushel, por volta de 14h45 no horário de Brasília. O contrato atingiu a máxima desde janeiro de 2013, de cerca de US$ 8 por bushel.

O trigo de primavera negociado em Mineápolis atingiu sua máxima desde junho de 2011, enquanto na Euronext em Paris, o trigo obteve forte alta para a máxima em 13 anos e meio.

No mercado do milho em Chicago, o contrato mais ativo subia mais de 1%, para cerca de US$ 5,80 o bushel, tocando máxima desde 13 de agosto. A soja operava praticamente estável. (Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: