Fundos flertam com cenário altista para soja em Chicago desde o fim de 2020

A nova postura dos gestores de recursos é a mais otimista desde maio, e os novos comprados superaram os vendidos na maioria das semanas.

Da Reuters
Compartilhe esta publicação:
Dane Rhys/Reuters
Dane Rhys/Reuters

Colheita de soja em Deerfield, Ohio

Acessibilidade


Os especuladores estenderam sua sequência de compras em soja na bolsa de Chicago na semana passada, apesar de uma parada no rali dos futuros, mas a força dos preços voltou no final da semana e o otimismo dos investidores pode ter atingido os níveis mais fortes em mais de um ano.

Na semana encerrada em 15 de fevereiro, os gestores de recursos aumentaram suas posições compradas líquidas em futuros e opções de soja da CBOT para 175.372 contratos, de 166.315 na semana anterior, com base em dados publicados na sexta-feira pela Comissão de Negociação de Futuros de Commodities dos EUA (CFTC).

Isso apesar de os futuros mais ativos caírem mais de 1% nesse período.

A nova postura dos gestores de recursos é a mais otimista desde maio, e os novos comprados superaram os vendidos na maioria das semanas desde o final de dezembro.

Os contratos em aberto de soja cresceram mais de um terço nas últimas quatro semanas para cerca de 1,12 milhão de contratos, o maior aumento em qualquer período de quatro semanas em pelo menos 15 anos. Isso está agora apenas 13% atrás dos níveis atipicamente altos do ano passado.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Os investidores estão focados nos impactos da seca sem precedentes nas lavouras de soja da América do Sul e na perda de suprimentos exportáveis. Importadores globais, liderados pela China, tomaram conhecimento e compraram volumes extraordinariamente grandes de soja de safras antigas e novas dos EUA nas últimas semanas.

Os contratos futuros de soja subiram 3,2% entre quarta e sexta-feira, terminando em 16,015 dólares por bushel na sexta-feira. Foi o primeiro fechamento do contrato mais ativo acima de 16 dólares desde 12 de maio.

As estimativas de comércio indicavam que as compras líquidas de soja pelos gestores de dinheiro como tendo possivelmente superado 200 mil contratos, até o fechamento de sexta-feira, pela primeira vez desde novembro de 2020.

Os futuros de soja e óleo de soja da CBOT saltaram 20% até agora em 2022. O óleo de soja atingiu 67,87 centavos de dólar por libra na sexta-feira, a máxima do contrato mais ativo desde 11 de junho.

Embora o óleo de soja tenha subido 3,6% na semana encerrada em 15 de fevereiro, os gestores de recursos cortaram cerca de 2.400 contratos de compras líquidas, para 70.381 futuros e de opções.

Os futuros de farelo de soja caíram 3,4% na semana, mas os gestores de recursos adicionaram cerca de 1.000 contratos a suas posições líquidas compradas, a 89.170 contratos de futuros e opções, visão mais otimista desde dezembro de 2020.

Karen Braun é analista de mercado da Reuters. As opiniões expressas acima são dela.

Compartilhe esta publicação: