Rússia x Ucrânia: Estados Unidos faz declaração sobre fertilizantes e suprimentos agrícolas

País responsável por ataque é um grande produtor de potássio e exportador de gás natural.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Adrees Latif/Reuters
Adrees Latif/Reuters

Em meio ao imbróglio Rússia x Ucrânia, o secretário de Agricultura dos EUA comentou suas expectativas para empresas de fertilizantes e suprimentos agrícolas afetadas

Acessibilidade


O secretário de Agricultura dos EUA, Tom Vilsack, disse hoje (24) que espera que as empresas de fertilizantes e suprimentos agrícolas afetadas pela invasão russa à Ucrânia não tirem vantagem injusta da situação, em meio aos preços já altos de fertilizantes e safras.

Ele acrescentou que é muito cedo para dizer qual seria o impacto da crise nos agricultores dos EUA. A Rússia é um grande produtor de potássio e exportador de gás natural, um insumo fundamental na produção de fertilizantes nitrogenados.

LEIA TAMBÉM: Preços de commodities disparam com invasão da Rússia à Ucrânia

“Levará algum tempo para que o impacto seja sentido. Espero que nenhuma empresa, seja de fertilizantes ou qualquer outro fornecimento que possa ser afetado por isso, tire vantagem injusta dessa circunstância ou situação”, disse Vilsack, em entrevista coletiva. “Essa é a minha maior e mais profunda preocupação.”

Compartilhe esta publicação: