Safra de café do Brasil deve atingir 58,9 mi sacas em 2022/23, diz StoneX

A consultoria citou uma elevação de 9,6% ante o ciclo anterior.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Embrapa/Divulgação
Embrapa/Divulgação

A produção deverá ficar 12,9% abaixo do observado em 2020/21, afetada por secas e geadas nas regiões cafeeiras do Brasil

Acessibilidade


A produção brasileira de café deve alcançar 58,9 milhões de sacas de 60 quilos na safra 2022/23, estimou hoje (18) a consultoria StoneX, citando uma elevação de 9,6% ante o ciclo anterior, que foi de bienalidade negativa.

Contudo, a produção deverá ficar 12,9% abaixo do observado em 2020/21, ano de bienalidade positiva assim como 2022/23, após problemas climáticos que afetaram os cafezais no ano passado, conforme relatório.

Na avaliação da StoneX, a ocorrência de seca e geadas nas regiões cafeeiras do Brasil em 2021 reduziu em 15% o potencial produtivo do país para esta temporada.

A colheita de café arábica foi estimada em 38,3 milhões de sacas, ante 33,7 milhões no ciclo anterior, enquanto a produção da variedade robusta/conilon deve chegar a 20,6 milhões de sacas, versus 20 milhões em 2021/22.

VEJA TAMBÉM: Brasil já exportou 86% do café colhido na safra 2021/22

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Compartilhe esta publicação: