Suzano eleva preços de celulose em até US$ 60 por tonelada para América do Norte e Europa

Companhia também elevará o preço da tonelada de celulose fluff

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Mohamed Azakir/Reuters
Mohamed Azakir/Reuters

A fabricante de celulose Suzano reajustará os preços de celulose

Acessibilidade


A Suzano anunciou hoje (31) o aumento de preços da celulose para as regiões da América do Norte e Europa, válidos a partir de junho.

O preço do produto para a América do Norte será elevado em US$ 60, para US$ 1.580 a tonelada, enquanto para a Europa o reajuste será de US$ 50, para US$ 1.350.

Leia mais: Blockchain vai ao canavial para ajudar a produzir açúcar

Os aumentos foram decididos alguns dias após a empresa, maior fabricante mundial de celulose de eucalipto, ter elevado o preço da commodity para clientes na Ásia em US$ 30.

Segundo a empresa, um quadro do mercado global formado por oferta apertada, baixos estoques e demanda forte, além de restrições logísticas e alta de custos, justificam os aumentos.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A companhia também vai elevar o preço da tonelada de celulose fluff, usada em produtos como absorventes higiênicos. Neste caso, o reajuste de US$ 80 vale para todos os mercados.

Compartilhe esta publicação: