Apresentado por       

Algodão tem máxima de quatro meses na ICE

Mercado da fibra, junto ao cacau, laranja e açúcar, disparou em Chicago, de acordo com corretora americana

Reuters
Compartilhe esta publicação:

Os contratos futuros de algodão da ICE subiram nesta terça-feira (6), atingindo seu maior valor desde o final de setembro, com os futuros do cacau renovando uma máxima histórica, enquanto o suporte também veio do mercado de petróleo.

Acessibilidade


Os contratos de algodão para março subiam 0,37 centavo, para 87,36 centavos de dólar por libra-peso, por volta das 13h (horário de Brasília), depois de atingirem o maior valor desde 29 de setembro, no início da sessão.

“O cacau, o suco de laranja e o açúcar estão sendo negociados em sintonia com esses outros mercados”, disse Jon Marcus, presidente da corretora Lakefront Futures and Options, em Chicago. “Esses mercados decolaram para níveis que não víamos há muito tempo.”

Compartilhe esta publicação: