Presidência do G20 diz que ministros não chegaram a acordo para comunicado sobre clima

Guglielmo Mangiapane/Reuters
Guglielmo Mangiapane/Reuters

Ativistas demandam ação do G20 contra as mudanças climáticas em Nápoles

Ministros de Energia e Meio Ambiente do G20, o grupo dos países mais ricos do mundo, não conseguiram chegar a um acordo sobre a redação de um compromisso importante para enfrentar as mudanças climáticas em seu comunicado final, disse o ministro da Transição Ecológica da Itália, Roberto Cingolani, nesta hoje (23).

Cingolani disse a repórteres que os ministros reunidos no sul da Itália não conseguiram resolver dois pontos em disputa, e que estes terão de ser repassados aos chefes de Estado e de governo do G20 para decidir.

LEIA MAIS: Custo para evitar próxima pandemia é de US$ 75 bilhões, diz painel de especialistas ao G20

Ele disse que as negociações com China, Rússia e Índia se mostraram especialmente difíceis, acrescentando que um dos pontos críticos foi a redação em torno de um limite de 1,5 a 2 graus Celsius para o aumento da temperatura global estabelecido pelo Acordo de Paris. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).