Mattel lança Barbie inspirada em cientista brasileira

Divulgação/Mattel
Divulgação/Mattel

A biomédica baiana Jaqueline Goes atuou no sequenciamento do genoma do SARS-CoV-2 em tempo recorde no Brasil

Responsável pela equipe que sequenciou o genoma do SARS-CoV-2 em apenas 48h no Brasil, a biomédica baiana Jaqueline Goes foi escolhida para se tornar uma boneca Barbie. A homenagem faz parte da iniciativa “Mulheres Inspiradoras” criada pela Mattel para celebrar mulheres que se destacam. Desta vez, foram homenageadas profissionais que quebraram barreiras durante a pandemia de Covid-19.

“Enquanto cientista, mulher e negra, ser homenageada pela Barbie e me tornar um modelo para novas gerações é provar que através das oportunidades, o talento e inteligência podem alcançar e até gerar frutos positivos para uma nação”, disse Jaqueline sobre a homenagem.

VEJA TAMBÉM: Tenista Naomi Osaka ganha linha de bonecas Barbie

Além da biomédica brasileira, outras cinco mulheres foram reconhecidas pela Mattel como heroínas da pandemia após trabalharem na luta contra o coronavírus e impactarem positivamente a comunidade: a enfermeira norte-americana Amy O’Sullivan; Audrey Cruz, que atuou na linha de frente em Las Vegas e foi importante no combate ao preconceito racial e a discriminação; a psiquiatra canadense Chika Stacy Oriuwa, que expôs o racismo sistêmico na área da saúde; Sarah Gilbert, do Reino Unido, líder no desenvolvimento da vacina de Oxford; e a australiana Kirby White, que desenvolveu um uniforme que pode ser lavado e reutilizado, permitindo mais praticidade aos trabalhadores da linha de frente.

Lisa McKnight, vice-presidente sênior e chefe global da Barbie e das bonecas da Mattel, aponta que o projeto “Mulheres Inspiradoras” ultrapassa fronteiras, mostrando às meninas que elas podem ser o que quiserem. “A Barbie reconhece que todos os trabalhadores da linha de frente fizeram enormes sacrifícios ao enfrentar a pandemia. Para iluminar seus esforços, estamos compartilhando suas histórias e aproveitando a plataforma da Barbie para inspirar a próxima geração a seguir essas heroínas. Nossa esperança é nutrir e estimular a imaginação das crianças que interpretam seus próprios enredos como heróis.”

Atualmente, a linha de bonecas da Barbie conta com mais de 200 profissões. Há bonecas da cosmonauta russa Anna Kikina, da ativista britânica Adwoa Aboah, da chef italiana Rossana Maziale e da surfista Maya Gabeira – a primeira brasileira homenageada pelo projeto, em 2019 –, entre outras.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).