Apresentado por       

Novo projeto de Janguiê Diniz oferece aulas gratuitas para crianças de escolas públicas

Plataforma de videoaulas foi elaborada para atenuar os impactos da pandemia na educação básica

Redação
Apresentado por       
Compartilhe esta publicação:
Divulgação
Divulgação

Janguiê Diniz, Fundador e Presidente do Conselho de Administração do Grupo Ser Educacional e Presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo

Acessibilidade


O empreendedor bilionário Janguiê Diniz, fundador do grupo Ser Educacional e presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo, acaba de lançar o projeto social Minha Escolinha Online, plataforma educacional gratuita voltada para o reforço escolar de crianças da educação infantil de escolas públicas.

A iniciativa surgiu para combater os danos causados pela pandemia de Covid-19 à educação básica, já que diversos estudantes, especialmente os de escolas públicas, tiveram suas aulas presenciais suspensas e o processo de aprendizagem interrompido por meses.

LEIA TAMBÉM: Startup de soluções para supply chain anuncia parceria para diversificar contratações

O Minha Escolinha Online vai atender crianças entre 2 e 8 anos de idade e já conta com mais de 800 videoaulas, além de jogos educacionais e sistema de gamificação. O conteúdo do projeto foi construído com atividades interativas e conteúdos diversificados que seguem as orientações e regulamentações do MEC (Ministério da Educação). Seu propósito é oferecer às crianças e aos pais e responsáveis alternativas educacionais que compensem a ausência das escolas formais durante o período da pandemia, garantindo a segurança de todos.

“Nossas crianças estão há muito tempo sem aulas presenciais, e muitas não conseguem acompanhar as aulas online. Na Minha Escolinha Online, além da plataforma com videoaulas que podem ser assistidas em qualquer lugar e a qualquer tempo, oferecemos atividades que podem ser impressas, facilitando os estudos”, explica Janguiê Diniz. “O mais importante é que essas crianças, em idade tão importante de formação, não fiquem desamparadas e possam recuperar o ‘tempo perdido’”, completa.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Além de pequenos estudantes, o empreendedor aponta que a plataforma beneficia também os pais e responsáveis. “Eles se tornam tutores de ensino dos seus filhos, podendo acompanhar o progresso das crianças. As aulas também farão com que os pequenos ocupem o tempo vago com atividades lúdicas, que estimulam o raciocínio e agregam conhecimento, além de desenvolverem habilidades socioemocionais”, destaca. “Dessa forma, o tempo de isolamento social, ainda necessário, torna-se mais produtivo e as crianças são incentivadas a trabalharem conteúdos ricos.”

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: