Globo aposta no impacto social do conteúdo em sua Jornada ESG

Agenda 2030 da companhia estabelece seis compromissos alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

Patrícia Junqueira
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Adotar uma agenda ESG não é apenas uma questão de escolha, mas uma demanda da sociedade, diz Manuel Belmar, diretor de Finanças, Jurídico e Infraestrutura da Globo

Acessibilidade


A Globo lançou hoje (14) seu primeiro relatório de sustentabilidade de acordo com as diretrizes da GRI (Global Reporting Iniciative) e anunciou sua adesão ao Pacto Global da ONU, em evento para divulgação de sua agenda ESG.

A companhia estabeleceu seis compromissos em sua Agenda ESG 2030, alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU. O primeiro deles é sobre o impacto social do conteúdo, justamente por se tratar do principal pilar da empresa. “Nos anos 1960 ‘O Globo’ já fazia reportagens denunciando problemas ambientais”, destacou Manuel Belmar, diretor de Finanças, Jurídico e Infraestrutura, ao dizer que a Globo sempre esteve envolvida com a agenda ambiental.

“Há anos apoiamos a mobilização em prol de causas relevantes para a sociedade, por meio do jornalismo, do esporte, do entretenimento e de nossa atuação institucional. A partir de agora, vamos articular as iniciativas, de forma unificada, definindo metas assertivas e transparentes e,principalmente, visão de longo prazo”, disse Paulo Marinho, diretor-presidente do grupo.

Os outros compromissos são Diversidade & Inclusão, Desenvolvimento & bem-estar dos colaboradores, Biodiversidade & consciência ambiental, Governança transparente & responsável, Educação como vetor de transformação do país.

“Precisamos, cada vez mais, de empresas que puxem para si a responsabilidade, assumindo compromissos públicos em princípios de direitos humanos, meio ambiente e de combate à corrupção, com metas claras para promover as transformações necessárias que o mundo precisa, e o Pacto Global leva à construção dessa jornada por meio de suas Plataformas de Ação”, diz Carlo Pereira, CEO do Pacto Global da ONU no Brasil, ao comentar sobre a adesão da companhia.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O Pacto Global é a maior iniciativa de sustentabilidade corporativa do mundo, com mais de 20 mil participantes, entre empresas e organizações, distribuídos em 70 redes locais,
que abrangem 160 países. Além disso, fornece diretrizes para a promoção do crescimento sustentável e da cidadania, por meio de lideranças corporativas comprometidas e inovadoras.

Para Belmar, adotar uma agenda ESG não é apenas uma questão de escolha, mas uma demanda da sociedade. “A agenda ESG vem demonstrando ser um guia para as empresas que querem aliar solidez, perenidade e impacto positivo para a sociedade”, diz Belmar.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: