7 carros imperdíveis do Salão de Frankfurt

PorscheTaycan/PorscheForbes
O Porsche Taycan S é o novo modelo elétrico da montadora europeia

Resumo:

  • Marcas como famosas como Land Rover, Porsche e Volkswagen prometem trazer novas ideias e modelos para a feira;
  • O Porsche Taycan é o primeiro modelo elétrico da fabricante e promete concorrer com a Tesla pelo mercado;
  • O ID.3 é um dos lançamentos mais esperados do evento, o modelo foi desenhado para ser a opção elétrica da Volkswagen;
  • O Audi RS6 Avant é fruto de uma parceria entre a companhia e engenheiros do MIT e promete unir potência e as tendência de carros elétricos.

Entre os dias 12 e 22 de setembro, acontece na capital financeira da Alemanha o Salão de Frankfurt, com os veículos mais atrativos e inovadores da Europa, incluindo o Land Rover Defender, o inédito Porsche Taycan e o elétrico Volkswagen ID.3, que a marca espera ser para o mainstream o que o Beetle e o Golf já foram.

LEIA MAIS: Jaguar Land Rover aprova modelo de carro elétrico

Veja a seguir sete destaques, entre elétricos e híbridos, da feira:

  • Mini Cooper Electric

    O Mini Cooper SE totalmente elétrico vai se juntar aos modelos movidos a gasolina, diesel e híbridos no palco de Frankfurt.

    Ele possui um conjunto de baterias de 32,6 kWh e um motor elétrico único que produz 181 cavalos de potência e 270 J de torque. Com tração dianteira, atinge 100 km/h em 7,3 segundos e tem velocidade máxima de 150 km/h. Na Europa, terá autonomia para percorrer distâncias de 235 quilômetros até 270 quilômetros. Somente poucas informações de recarga foram publicadas, mas a Mini afirma que o modelo pode ser carregado em até 50 KW, o que permite uma recarga de 80% em 35 minutos usando um carregador rápido.

  • Porsche Taycan

    Segundo os rumores, o primeiro Porsche totalmente elétrico, o sedan esportivo Taycan, vai desafiar o Tesla S especialmente no estado natal e maior mercado da fabricante de carros do Silicon Valley, Califórnia, não importa o quanto Elon Musk proteste.

    Os engenheiros da Porsche começaram o projeto do Taycan do zero. Foi desenvolvida uma plataforma em forma de skate para abrigar dois motores elétricos, um em cada eixo para alimentar todas as quatro rodas, e um pacote de baterias. Juntos, os motores geram uma potência combinada de 592 cavalos. O Taycan consegue atingir 100 km/h em menos de 3 segundos e terá velocidade máxima de 250 km/h.

  • Volkswagen ID.3 Electric Hatchback

    O Volkswagen ID.3 hatch pode ser o lançamento mais significativo da feira. Este é o primeiro modelo que a montadora desenhou desde o início para ser elétrico. Praticamente do mesmo tamanho do Golf, o ID.3 poderá ser adquirido com dois tipos de motores, com 150 ou 204 cavalos de potência, e três tamanhos de bateria, dando ao modelo um alcance entre 330 quilômetros até 550 quilômetros em uma única recarga. Somente 30.000 carros do modelo vão ser montados, e a produção deve começar no final de 2019.

  • Land Rover Defender

    A nova versão do Defender vai, finalmente, sair das sombras no palco de Frankfurt. A expectativa é de que o que o modelo apresente um estilo retrô e que ofereça uma grande variedade de opções de motor.

    Não se surpreenda com a maior sofisticação do novo Defender em comparação com o modelo anterior. Ele será equipado com um sistema de informação e entretenimento de fácil utilização, que vai contar com grandes telas sensíveis ao toque, suspensão aérea e interior elegante. A energia será gerada por motores com quatro ou seis cilindros, e o modelo virá em três versões: curto, longo e estendido. O mais importante é que o novo Defender será tão capaz no offroad como as versões anteriores.

    A impressão inicial de quem viu o novo modelo é positiva. Alguns especialistas estão dizendo que, por esse motivo, a Jaguar Land Rover pode roubar as atenções do evento.

  • Audi RS6 Avant

    O novo Audi RS6 Avant de 2020 não é o modelo de station wagon a que seus pais estão acostumados. O carro combina estilo surpreendente, potente motor V8 twin turbo de 4 litros e utilidade para o dia a dia. As únicas partes de carroceria usadas do modelo padrão A6 são as portas dianteiras, teto e porta-malas. Todo o resto foi feito exclusivamente para o RS, como aros mais grossos do volante, entradas de ar e rodas maiores. Embaixo do capô, o motor híbrido de 591 cavalos pode fazer o modelo atingir 100 km/h em 3,6 segundos e chegar em uma velocidade máxima de 250 km/h, que pode ser estendida para 280 km/h ou 305 km/h com os pacotes opcionais Dynamic ou Dynamic Plus, respectivamente.

  • Mercedez-Benz ESF 2019 Concept

    Inspirado no híbrido atual SUV GLE, o conceito do ESF 2019 vem acompanhado de um pacote incrível de tecnologias de segurança ,incluindo capacidades de autonomia de nível 4, permitindo que o modelo até assuma o controle da direção.

  • Lamborghini Sián

    A Lamborghini trabalhou por anos com engenheiros do MIT (Massachusetts Institute of Technology) para desenvolver supercapacitores para supercarros. Em 2017, a parceria até revelou um conceito de carro totalmente elétrico com design chocante, chamado de Lamborghini Terzo Millennio, na Conferência EMTech da escola. O modelo era alimentado por capacitores integrados aos painéis da carroceria do carro.

    No salão, a marca promete ser assunto graças ao seu primeiro supercarro híbrido pronto para as estradas: o Sián, que usa supercapacitores e não baterias, assim com o Terzo. Os supercapacitores podem entregar uma carga de eletricidade para impulsionar a performance do veículo quando necessário, mas não alimentam o motor por inteiro.

    O híbrido “moderado”, como o modelo é conhecido, vai ser movido primariamente pelo atual motor V12 de 6,5 litros da empresa. Quando necessário, o motor elétrico de 34 cavalos, armado no eixo traseiro, vai prover um aumento de 10% na aceleração, segundo a Lamborghini. O pequeno motor também vai amenizar o fluxo de energia na troca de marchas, minimizando a sensação de arrancada momentânea.

    Trabalhando em conjunto, o motor V12 e o elétrico entregam 602 kW ou 819 cavalos de potência, fazendo do Sián o Lamborghini mais potente a ser produzido e um dos mais rápidos. A fabricante afirma que o carro poderá acelerar do zero até 100 km/h em menos de 3 segundos, com velocidade máxima de de 350 km/h.

    O preço do novo modelo ainda não foi divulgado, mas a expectativa é de que o valor chega na casa dos milhões de dólares. Mas isso não é importante, afinal todos os 63 Siáns que foram colocados a venda já foram comprados, mesmo que ainda tenham de ser produzidos.

Mini Cooper Electric

O Mini Cooper SE totalmente elétrico vai se juntar aos modelos movidos a gasolina, diesel e híbridos no palco de Frankfurt.

Ele possui um conjunto de baterias de 32,6 kWh e um motor elétrico único que produz 181 cavalos de potência e 270 J de torque. Com tração dianteira, atinge 100 km/h em 7,3 segundos e tem velocidade máxima de 150 km/h. Na Europa, terá autonomia para percorrer distâncias de 235 quilômetros até 270 quilômetros. Somente poucas informações de recarga foram publicadas, mas a Mini afirma que o modelo pode ser carregado em até 50 KW, o que permite uma recarga de 80% em 35 minutos usando um carregador rápido.

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).