Art Basel de Hong Kong é cancelada por ameaça de coronavírus

divulgação
Art Basel de Hong Kong

A edição deste ano da Art Basel Hong Kong, que aconteceria entre os dias 19 e 21 de março, foi cancelada devido ao surto do coronavírus, que foi recentemente declarado uma emergência global pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Segundo os responsáveis pela feira, não havia outra opção senão cancelar o evento, já que a saúde das pessoas que estariam trabalhando ou visitando a feira poderia estar em risco.

O diretor global da Art Basel, Marc Spiegler, disse que a organização explorou todas as possíveis opções antes de optar pelo cancelamento do evento e declarou estar ciente sobre o impacto que a feira tem na cena cultural da região e também em todo o mundo. Ele lamenta a atual situação. “Nossos pensamentos estão com aqueles que foram afetados pelo vírus em todo o mundo”, afirmou.

Veja Também: Bolsas no exterior caem com avanço do Coronavírus

A feira, fundada em 1970, acontece anualmente em Basel, na Suíça; em Miami Beach e em Hong Kong e é o principal evento internacional para a arte contemporânea ao redor do mundo.

Outros eventos que estavam previstos para acontecer em território chinês vêm sendo cancelados ou adiados. É o caso da prova da fórmula E que ocorreria em 21 de março no sul do país e do GP da China, no circuito de Xangai, que também foi suspenso até a contenção do vírus.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).