Ford anuncia lançamento do Mustang Mach-E

Ford Motor Company
Ford Motor Company

O Ford Mustang Mach-E 1400 é o nova aposta da montadora para fazer barulho no mundo dos carros elétricos

Aperte o cinto, as coisas estão prestes a ficar um pouco e-loucas.

Seguindo o projeto do carro de corrida elétrico Cobra Jet, com 1.400 cavalos de potência, os engenheiros da divisão de projetos especiais da Ford, em forte colaboração com a RTR Vehicles, ficaram um pouco excitados demais e liberaram um segundo carro elétrico único e extremo. Desta vez, usando acabamentos personalizados Mach-E, e com impressionantes capacidades de desempenho. Parecendo um Mach-E melhorado, a expectativa é que o Mustang Ford elétrico seja lançado ainda neste ano, equipado com asas, bicos, separadores e aerofólios suficientes para envergonhar a maioria dos carros de F1.

O Mustang Mach-E 1400 é um protótipo, mas, à medida que o projeto avançou, subitamente se aproximou muito mais de parecer um carro de corrida do que o Cobra Jet, claramente fabricado para isso. Então, por que todos os enfeites no carro? Como o modelo não é um especial comum, ele foi construído para ter enorme potência nos quatro pneus. Um total de sete motores preenche o complexo trem de força que consome energia de uma robusta bateria de níquel-manganês de 56,8 kWh, oferecendo aos pilotos controle sobre a vetorização de torque para alguns momentos de drift dignas de Ken Block. Na verdade, Block e seu AWD Mustang de 1000 cv fazem uma breve aparição no vídeo, junto com outros especiais da Mustang e especialistas em destruição.

LEIA MAIS: De modelo a empreendedora: Fiorella Mattheis fala sobre sua empresa de moda circular

Mas nem tudo se resume a gastar os pedaços de borracha no asfalto. Em viagens de passeio, o Mach-E 1400 foi projetado para se manter na estrada em velocidades de pista de corrida, com todos os equipamentos de fluxo de ar adicionando adicionando mais de 500 kg de força descendente quando o velocímetro atinge 260 km/h. Apropriadamente, o Mach-E 1400 fará sua estreia pública com algum tempo de exibição em uma corrida da NASCAR “em breve”, de acordo com a Ford, portanto, fique atento.

FORD MOTOR COMPANY

O que está motivando a loucura elétrica da Ford? A crescente percepção de que carros elétricos podem trazer uma experiência de direção nova e muito aprimorada, não importa se você está dirigindo para o trabalho ou chegando a uma bandeira quadriculada. Os Mach-E produzidos terão um ou dois motores, dependendo das opções, mas o Mach-E 1400 mostra que, diferentemente de um carro movido a gás, o futuro está aberto quando se trata de motorização elétrica. “O desafio era controlar os níveis extremos de potência fornecidos pelos sete motores”, disse Mark Rushbrook, diretor de esportes motorizados da Ford Performance. “O Mustang Mach-E 1400 é uma vitrine da arte do que é possível com um veículo elétrico.” E parece que muita diversão também é possível.

A equipe da RTR começou com uma carcaça do Mach-E e construiu uma estrutura de espaço interior antes de encaixar o sistema de tração nas quatro rodas, baterias, controladores de motor e sistema de refrigeração. Embora seja único, o carro inclui sistemas em nível de produção, incluindo freios Brembo (com um freio de mão com controle de deriva, é claro), ABS, frenagem regenerativa, sistemas de controle de estabilidade e até algumas influências do Mustang GT4. “Pilotar este carro mudou completamente minha perspectiva sobre o que pode ser a potência e o torque”, disse Vaughn Gittin Jr., fundador da RTR Vehicles e especialista em manobras, que dirige o Mustang movido a eletricidade no vídeo. “Essa experiência é algo que você nunca experimentou ou imaginou, exceto talvez uma montanha-russa magnética.” Eu faria uma viagem nesse carro, com certeza.

Ford Motor Company

LEIA TAMBÉM: Por dentro da mansão em Lake Tahoe que acaba de entrar para venda por US$ 32 milhões

A capacidade de atualização e ajustes na entrega de energia de veículos elétricos também chegou ao próximo lançamento do Mach-E Mustang da Ford. No final do mês passado, a fabricante anunciou que a potência dos veículos de produção Mach E havia aumentado de 332 cavalos para 346, com um aumento no torque de 565 a 480 N.m, dando ao E-Stang versão premium uma aceleração de 0 a 100 km/h abaixo dos cinco segundos. Todas as outras variações do Mach-E também aumentos de potência antes da entrega no final deste ano. As pré-encomendas para o Mustang Mach-E já estão abertas.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Participe do canal Forbes Saúde Mental, no Telegram, e tire suas dúvidas.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).