Hotel terá celebração de Ano Novo nos jardins do Palácio de Versalhes

Festa de Réveillon do Airelles Château de Versailles Le Grand Contrôle é descrita como a mais luxuosa do mundo.

Nel-Olivia Waga
Compartilhe esta publicação:
Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

Suíte do hotel com vista dos jardins do Palácio de Versalhes

Acessibilidade


Para aqueles que procuram uma forma memorável de saudar 2022, uma celebração de duas noites nos jardins do Palácio de Versalhes será realmente especial. Descrita como “a festa de Réveillon mais luxuosa do mundo”, o evento organizado pelo hotel Airelles Château de Versailles Le Grand Contrôle visa aproveitar ao máximo o ambiente exclusivo em torno do palácio dos reis franceses.

A história faz parte desse lugar. Há ecos da opulência da corte real e você quase pode imaginar os empurrões daqueles ansiosos para chamar a atenção do rei Luís XIV, conhecido como o Rei Sol no auge do poderio francês na Europa no século XVII.

VEJA TAMBÉM: 16 presentes luxuosos para o Natal

Criado para impressionar e projetado para ampliar o status de um monarca absolutista, Versalhes é gigantesco, desde o tamanho de seus edifícios, a explosão de suas fontes até os enormes jardins, que se estendem até onde a vista alcança. Embora tudo isso ainda projete a grandeza da monarquia, os eventos da Revolução Francesa foram os dias em que o período de Versalhes como centro de poder e influência chegou a um fim abrupto.

O hotel Le Grand Contrôle ocupa um edifício projetado pelo arquiteto favorito de Luís XIV, Jules Hardouin-Mansart, concluído em 1681. Tem vista para a Orangerie, a Pièce d’Eau des Suisses e o próprio Palácio de Versalhes.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

Palácio de Versalhes

Nos últimos anos, o arquiteto e designer de interiores Christophe Tollemer trouxe toda a sua engenhosidade e talento para realizar a restauração do hotel, que agora oferece quartos e suítes reais e um spa da Valmot completo com piscina coberta.

Respeitar o contexto histórico de Le Grand Contrôle moldou todo o processo de sua renovação para que ele mantenha a aparência, a sensação e a grandeza exuberante do passado.

No centro da comemoração do Ano Novo planejada está a ideia do Chef Alain Ducasse, com estrela Michelin, para levar aqueles que celebram em uma viagem gastronômica ao longo dos séculos. O menu que ele criou é preparado com a ideia de usar os sabores e o estilo de apresentação do passado e combiná-los com uma série de criações contemporâneas.

O estilo extravagante terá um papel importante na recriação da atmosfera de um banquete da corte com todo o seu esplendor e ostentação teatral. A intimidade do ambiente aumentará a experiência e há atenção extra aos detalhes com os talheres fornecidos pela coleção particular de Alain Ducasse.

Após a festa da véspera de Ano Novo, será hora de os participantes seguirem para o baile temático. Será no Bar de la Chapelle onde a suavidade da luz dos lustres e candelabros vai trazer de volta o clima das grandes festas do passado. Com música, dança, champanhe e coquetéis – incluindo o renomado “Royal Flocon” ou “Royal Snowflake” com champanhe derramado sobre granita (sobremesa italiana) – o clima será ideal para sair para ver os jardins e o castelo iluminados por fogos de artifício anunciando a chegada do Ano Novo.

Continuando com o tema gastronômico, o Le Grand Contrôle oferecerá um Royal Brunch de Ano Novo com clássicos gourmet franceses e receitas sazonais. A resistência será inútil perante o buffet de sobremesas doces onde há sempre algo para deliciar os sentidos.

Aqueles que celebram o Ano Novo em Versalhes também terão um mordomo particular, passeios pelo Château e pelo Trianon, bem como acesso aos jardins do palácio. É uma chance rara de caminhar com reis e conectar-se com o passado enquanto olha para o futuro em 2022.

Veja mais fotos:

  • Quarto do hotel (Reprodução/Forbes)

  • Banheira da suíte (Reprodução/Forbes)

  • Piscina coberta (Reprodução/Forbes)

  • Menu de Alain Ducasse (Reprodução/Forbes)

  • Queima de fogos no palácio em 2004 (Reprodução/Forbes)

  • Royal Brunch (Reprodução/Forbes)

  • Hotel (Reprodução/Forbes)

Quarto do hotel (Reprodução/Forbes)

Compartilhe esta publicação: