Moda com tradição e inovação

Com 40 anos de mercado, a Anselmi aposta em tecnologias e processos exclusivos de olho na experiência das consumidoras e na redução do impacto ambiental

BrandVoice Anselmi
Compartilhe esta publicação:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Anselmi é referência no mercado têxtil latino-americano

Acessibilidade


A história da Anselmi é uma história de família. Tudo começou há quatro décadas, quando Maria de Lourdes Anselmi buscava sua independência financeira fazendo aquilo que gostava: moda. Em um cômodo de sua casa, na cidade de Farroupilha (RS), ela iniciou sua própria malharia, dedicando-se à confecção de camisas e tricôs.

O espírito empreendedor de Maria de Lourdes fez o negócio prosperar e transformou a Anselmi em uma referência no mercado têxtil latino-americano. Ainda hoje, ela lidera a empresa ao lado dos três filhos, que desempenham funções estratégicas: Sandra Anselmi é diretora de criação; Patrícia Anselmi é diretora de marketing; e Eduardo Anselmi é diretor administrativo e industrial.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Maria de Lourdes Anselmi, criadora da Anselmi

A marca conta com três unidades fabris, localizadas nas cidades de Farroupilha, Feliz e Alto Feliz, todas no Rio Grande do Sul. É nesse moderno parque fabril que as coleções são desenvolvidas – do design à tinturaria, passando pela fiação e acabamento das peças, em uma produção 100% nacional.

Com cerca de 550 colaboradores, a malharia gaúcha é uma das primeiras e únicas do Brasil a ter tinturaria e laboratório de cor próprios. A verticalização dos processos industriais faz com que a Anselmi ofereça produtos com qualidade e design exclusivo, além da velocidade em atender as demandas do mercado.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Além do design autoral, a Anselmi amplia seu repertório ao apostar em collabs com grandes nomes da moda nacional. A marca ALUF, a influenciadora Consuelo Blocker e a consultora de estilo Ucha Meirelles, por exemplo, já assinaram parcerias de sucesso com a marca. Em junho, Ucha deve lançar uma segunda coleção para a Anselmi, com tricôs vibrantes e coloridos.

Fiação própria

A Anselmi industrializa a maior parte dos fios que utiliza, sendo o algodão brasileiro a sua principal matéria-prima. Essa iniciativa valoriza a cadeia produtiva local, reduzindo o translado de insumos e o impacto ambiental. Além disso, a fiação própria permite que a Anselmi inove na
produção dos fios, criando suas próprias misturas de materiais e trazendo mais qualidade para o consumidor.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Anselmi tem o algodão brasileiro como sua principal matéria-prima

Impacto positivo

Mais do que uma marca de moda, a Anselmi é uma empresa que valoriza a cadeia de produção nacional. Por isso, investe cada vez mais no uso da matéria-prima local, em especial o algodão orgânico, cultivado no modelo de agricultura familiar. Ainda este ano, a empresa planeja incluir o algodão agroecológico em sua produção. E a meta para 2023 é utilizar mais de 10% desse insumo, com aumento gradativo ao longo dos anos.

Em outro projeto que valoriza o produtor local, a Anselmi arrematou lotes de lã gaúcha vindos dos campos nativos do Rio Grande do Sul. O material já está em processo de fiação e deve integrar a trama dos tricôs a partir do próximo ano.

*BrandVoice é de responsabilidade exclusiva dos autores e não reflete, necessariamente, a opinião da FORBES Brasil e de seus editores.

Compartilhe esta publicação: