GM e CAOA Chery revelam planos de eletrificação para o Brasil

Antes reservada ao mercado premium, mobilidade elétrica agora avança sobre marcas generalistas; americanos terão Blazer recarregada na tomada e chineses produzirão híbridos em Anápolis, Goiás.

Rodrigo Mora
Compartilhe esta publicação:
(Divulgação)
(Divulgação)

Chevrolet Bolt EUV

Acessibilidade


Dois dias após a General Motors confirmar três modelos 100% elétricos para o mercado brasileiro, a CAOA Chery anunciou o lançamento de cinco exemplares eletrificados. Antes reservada ao mercado premium, a mobilidade elétrica agora avança sobre as marcas generalistas.

A GM avisa que vai “liderar a eletrificação da mobilidade na América do Sul, com a mais completa linha de veículos zero emissão, que virá para complementar o atual portfólio da marca Chevrolet”.

A ofensiva elétrica começa com um compacto urbano. “O próximo modelo a chegar na região será o Bolt EUV, que estreia na Colômbia já no segundo semestre deste ano e em outros mercados a partir de 2023”, revela Santiago Chamorro, presidente da GM América do Sul.

(Divulgação)
(Divulgação)

Chevrolet Equinox EV

Na sequência serão lançados Blazer EV e Equinox EV – assim como o Bolt EUV, produtos globais da marca –, que ainda estão em fase de desenvolvimento na matriz da empresa, nos EUA.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A GM se impôs o compromisso de se tornar neutra em carbono até 2040, e para isso investirá US$ 35 bilhões no desenvolvimento de 30 veículos elétricos e autônomos até 2025.

Nacional e importado

Já a CAOA Chery não se limitará apenas a importar (da China) carros eletrificados – no caso, o subcompacto iCar, que chega no final do mês por R$ 139.990; o sedã Arrizo 6 PRO Hybrid, que desembarca em agosto por R$ 159.990; e o SUV Tiggo 8 Pro Plug-in Hybrid, que estreia também em agosto por R$ 269.990.

A empresa também fabricará veículos híbridos em sua planta de Anápolis (GO): a partir de julho, produzirá os modelos Tiggo 5x Pro e Tiggo 7 Pro com sistema híbrido leve (48V), que custarão respectivamente R$ 169.990 e R$ 199.990.

Os lançamentos fazem parte da estratégia de renovação de motores Q Power, lançada globalmente pela Chery China e que estreiam no Brasil.

Compartilhe esta publicação: