Pfizer visa aprovação para uso emergencial de vacina contra Covid-19 nos EUA em novembro

Agência reguladora norte-americana afirmou que deseja pelo menos dois meses de dados de segurança antes de autorizar.

Blog da Redação
Compartilhe esta publicação:
Stringer/Reuters
Stringer/Reuters

A Pfizer espera ter os dados de segurança da vacina na terceira semana de novembro

Acessibilidade


A Pfizer informou hoje (16) que pode solicitar aprovação para o uso emergencial nos Estados Unidos de sua vacina candidata ao combate da Covid-19, que está sendo desenvolvida junto com a alemã BioNTech SE, assim que um marco de segurança for alcançado na terceira semana de novembro.

A agência reguladora norte-americana de medicamentos, FDA, afirmou que deseja pelo menos dois meses de dados de segurança antes de autorizar o uso emergencial de qualquer vacina experimental contra o coronavírus.

LEIA MAIS: Candidata a vacina da chinesa CNBG se mostra promissora em testes com humanos, mostra estudo

Com base na inscrição do teste atual e no ritmo de dosagem, a Pfizer espera ter esses dados de segurança na terceira semana de novembro, disse o diretor-executivo Albert Bourla em um comunicado.

A Pfizer havia informado anteriormente que esperava dados de testes em estágio final em outubro. (Com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: