Laboratório confirma primeiro caso de Covid-19 associado a variante brasileira nos EUA

Reprodução/Reuters
Reprodução/Reuters

Centro de Controle de Doenças dos EUA (CDC) está rastreando mutações do coronavírus em meio ao surgimento de novas variantes ao redor do mundo

Um laboratório do Departamento de Saúde de Minnesota confirmou o primeiro caso conhecido de Covid-19 nos Estados Unidos associado a uma variante mais contagiosa do novo coronavírus originalmente vista no Brasil, disse o órgão ontem (25).

O anúncio veio no momento em que o presidente dos EUA, Joe Biden, ampliou a proibição de viagens que impede a entrada no país de praticamente todos os cidadãos norte-americanos não-residentes e que estiveram recentemente no Brasil, África do Sul, Reino Unido, Irlanda e outros 26 países europeus.

LEIA TAMBÉM: Lote de 5,4 mil litros de insumos da CoronaVac deve chegar ao Brasil em 3 de fevereiro

O diretor do Centro de Controle de Doenças dos EUA (CDC) disse no domingo (24) que o governo norte-americano está ampliando os esforços para rastrear mutações do coronavírus em meio ao surgimento de novas variantes ao redor do mundo.

A variante do vírus SARS-CoV-2 conhecida como Brazil P.1 foi detectada em um morador de Minnesota com histórico recente de viagem ao Brasil, disse o Departamento de Saúde do Estado em comunicado à imprensa. A agência afirmou que isso representa o primeiro caso documentado da variante nos EUA.

Embora acredite-se que a variante brasileira seja mais transmissível que a original do vírus que causa a Covid-19, não se sabe se a doença que ela provoca é mais grave. (Com Reuters)

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).