Anvisa recebe pedido de autorização para estudos de fase 3 para a vacina Covaxin

Pedro Nunes/Reuters
Pedro Nunes/Reuters

A Avisa disse que tem de três a cinco dias para a análise do pedido

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu ontem (5) pedido de autorização para a realização de estudos clínicos de fase 3 para a vacina Covaxin, desenvolvida pelo laboratório indiano Bharat Biotech.

Segundo comunicado da Anvisa, o pedido foi feito pela Precisa Farmacêutica, que é parceira do Bharat Biotech no Brasil.

VEJA TAMBÉM: Anvisa busca reverter texto final de MP que obriga aprovação de vacinas em até 5 dias

A Avisa disse que tem de três a cinco dias para a análise do pedido, “condicionada a apresentação dos dados necessários para a análise técnica”. A avaliação da agência reguladora visa verificar se a proposta é capaz de “gerar dados confiáveis sobre a segurança e eficácia da vacina”.

A terceira fase dos estudos clínicos é a etapa em que são realizados testes com seres humanos.

Na quarta-feira (3), a Anvisa decidiu flexibilizar exigências para pedido e aprovação de uso emergencial de vacinas contra Covid-19 no país e anunciou que vai liberar, sob determinadas circunstâncias, a utilização de imunizantes não testados em fase 3 no Brasil. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).