OMS aprova vacina contra Covid-19 da J&J para uso emergencial

 Catherine Falls Commercial/Getty Images
Catherine Falls Commercial/Getty Images

A vacina da Johnson & Johnson exige apenas uma única injeção

A OMS (Organização Mundial da Saúde) aprovou hoje (12) o registro de emergência da vacina da Johnson & Johnson contra a Covid-19, dando seu selo de aprovação para acelerar o uso do imunizante, especialmente em países com agências regulatórias mais fracas.

É a terceira vacina contra Covid-19 a receber chancela da OMS, após o sinal verde para os imunizantes de duas doses da Pfizer/BioNTech e da AstraZeneca, e a primeira que exige apenas uma única injeção.

LEIA MAIS: Situação da Covid-19 no Brasil é “profundamente preocupante”, diz OMS

O registro abrange o uso em todos os países, para distribuição de vacinas pelo sistema Covax e ocorre após o anúncio de autorização da Agência Europeia de Medicamentos (EMA) ontem (11).

“Cada ferramenta nova, segura e eficaz contra Covid-19 é mais um passo para o controle da pandemia“, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em um comunicado.

“O registro de uso de emergência é o sinal verde para uma vacina ser adquirida e distribuída pelo Covax”, afirmou ele em entrevista coletiva.

A OMS vai reunir seu conselho consultivo estratégico de especialistas em imunização na próxima semana para formular recomendações sobre seu uso, acrescentou ele.

“Mas a esperança oferecida por essas ferramentas não se concretizará a menos que sejam disponibilizadas a todas as pessoas em todos os países”, disse ele.

A OMS também celebrou o fato de ser uma única aplicação, pois facilita a logística da vacinação.

O conselheiro sênior da OMS, Bruce Aylward, afirmou que a vacina da Johnson & Johnson, que não requer uma rede ultrafria, é “ainda mais adequada para alguns dos países mais atingidos pela pandemia”. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).