Natalia Martins conta como foi sua trajetória até criar um império da beleza

Divulgação
Divulgação

Natalia Martins, fundadora da Natalia Beauty (NB)

O simples fato de ser mulher ainda é – por incrível que pareça, em pleno século 21 – um desafio em quase todas as partes do planeta. Conquistar o sucesso exige mais sangue, suor e lágrimas em comparação com os pares masculinos. Atingir, manter ou até mesmo aumentar esse sucesso em um mundo tão caótico como o que vivemos é para poucas – entre elas, as heroínas destacadas na edição 84 da Forbes.

Natalia Martins faz parte desse time. Ela é fundadora da Natalia Beauty (NB), que se tornou conhecida pelos serviços, produtos e cursos presenciais e online de design (micropigmentação) de sobrancelhas e lábios – e posteriormente desenvolveu outros 15 cursos ligados ao ramo da beleza, como marketing, negócios e mentoria.

Admirada e seguida por milhares de pessoas (não só mulheres) cuja vida ajudou a melhorar ao compartilhar seus conhecimentos, Natalia tirou lições importantes dos obstáculos que cruzaram seu caminho (incluindo a pandemia) e da jornada empreendedora que fez dela um nome respeitado no mercado. Ela resume a seguir os principais pontos desses insights.

· Conhecimento – “Antes de tomar qualquer decisão, é muito importante se informar e aprender, sempre e todos os dias, já que o conhecimento não ocupa espaço, e sim expande horizontes. Eu sempre digo para as
mulheres que, antes de empreender, é fundamental descobrir com qual área ou segmento elas têm mais identificação, prazer e amor. Depois, buscar inspiração e referências em outras empreendedoras que já estão no mercado há algum tempo.”

· Mercado – “Estudar o setor em que você pretende investir é básico. Muitos produtos e serviços estão em alta, mas ao mesmo tempo já podem estar saturados. Se esse é o seu caso, não desista, sempre é possível seguir em frente. O ‘truque’ nesse caso é criar um diferencial para atrair, se destacar e agradar os clientes.”

· Finanças – “Gerenciar o próprio negócio é fundamental para lhe dar segurança e autonomia. Saiba lidar com o dinheiro com disciplina e tenha a consciência de só investir naquilo que agregue valor ao seu negócio. A ajuda de um profissional capacitado e de confiança pode ser a diferença entre um negócio amador e um ‘de verdade’.”

· Controle emocional – “É natural ficarmos ansiosos, eu mesma já passei por isso. Mas não tem jeito, é preciso aprender a gerenciar a saúde física e mental, principalmente no início do empreendimento e nos momentos de turbulência, quando o nosso emocional fica abalado. O que me traz tranquilidade e equilíbrio nessas horas é contar com uma reserva financeira. Essa segurança financeira, ainda mais nos primeiros meses de atividade, ajuda a manter a cabeça e os nervos no lugar.”

· Autoconhecimento – “É um exercício diário independente do negócio. Saber qual é sua missão e ter clareza sobre o que te faz feliz, o que te dá ânimo para levantar todos os dias da cama e enfrentar o dia, aumentam
as chances de você percorrer um caminho de maior sucesso. Procure conhecer mais sobre você. Existem vários profissionais e técnicas que podem ajudar nessa busca.”

· Objetivos e metas – “Saber aonde quer chegar daqui a um ano, cinco anos ou dez anos clareiam o caminho rumo aos seus objetivos. Trace metas e estratégias o mais detalhadas possível, com datas, recursos, aprendizados e ações necessárias em cada etapa. Faça uma check list do que planejou, do que alcançou, do que não alcançou (e por quais os motivos) para eventualmente corrigir sua rota. É no cumprimento das pequenas tarefas cotidianas que grandes obras se consolidam.”

· Ação – “Parta para a ação o quanto antes. Ficar elaborando demais bloqueia a ação. Quem pensa demais faz de menos. Não tenha medo de arriscar. Não há mistério nem segredo em empreender – só muito trabalho, empenho, estudo e dedicação. Ajustes fazem parte do negócio. Foque no seu objetivo e busque as melhores soluções para cada problema ou desafio. Assim você vai avançando cada vez mais confiante, capaz, fortalecida e resiliente.”

· Redes sociais – “Nessas ‘Ilhas da Fantasia’, a maioria só mostra o sucesso do seu negócio (que nem sempre é real), as viagens, as festas, belas roupas e sorrisos largos. Mas não se iluda: para qualquer empresário, não importa o tamanho do negócio, empreender é muito mais suor que glamour. A importância das redes sociais está na divulgação inteligente do seu produto ou negócio. Aqui também recomendo consultar um especialista.”

· Sucesso – “Ele é subjetivo, pois ser bem-sucedido pode ter um sentido totalmente diferente para cada um. Depende de suas conquistas dentro de suas crenças, seus valores, seu propósito. Pode estar naquela descoberta incrível capaz de mudar o mundo (e gerar muito dinheiro), pode estar na simplicidade de uma deliciosa receita de bolo que garanta à confeiteira uma vida de paz e tranquilidade.”

Por fim, provando que ela é uma mulher não só de palavras, mas também de ação, o Grupo Natalia Beauty, que inclui NB Courses, NB Clinic, NB Shop e NB filiados, anunciou no início de fevereiro a compra da Manybe Beauty CO, rede de cílios e sobrancelhas com unidades na capital e no interior de São Paulo. “Essa aquisição tem como objetivo atender à crescente demanda do mercado de beleza, carente de profissionais qualificados, além de permitir a expansão mais rápida do número de unidades NB pelo Brasil”, diz Natalia. Renata Ferreira, fundadora da Manybe, será a responsável por novas aquisições, negociações, fidelização da marca e parcerias estratégicas do Grupo NB, que prevê crescimento de 20% no primeiro mês de operação e faturamento 50% maior em 2021.

*Infomercial é conteúdo patrocinado, de responsabilidade exclusiva dos autores, e não reflete a opinião da Forbes Brasil e de seus editores.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).