Lyft diz que espera levantar US$ 2 bi com IPO

Getty Images
O rival Uber também prepara a estreia no mercado acionário

A Lyft espera captar até US$ 2 bilhões com a listagem de ações em Nova York, informou hoje (18) a companhia, iniciando uma série de apresentações a investidores em um momento em que o rival Uber também prepara a estreia no mercado acionário.

LEIA MAIS: Lyft mostra aumento de receita em pedido de IPO

Os dois IPOs representariam um divisor de águas para os unicórnios de tecnologia do Vale do Silício, que durante anos esnobaram o mercado de ações em favor de levantar capital de forma privada, com os investidores felizes em apoiar suas grandes valorizações.

No entanto, a recuperação do mercado nos últimos anos, juntamente com o desejo de investidores iniciantes de saírem, está levando muitas empresas de tecnologia, incluindo Airbnb, Slack e Stripe, a planejar uma listagem de ações.

A Lyft, sediada em São Francisco, disse em um comunicado hoje que pretende oferecer 30,77 milhões de ações precificadas entre US$ 62 e US$ 68 cada, colocando-se na frente do Uber, que planeja seu IPO para abril.

O Uber espera uma valorização de até US$ 120 bilhões, de acordo com fontes, embora alguns analistas a tenham estimado em torno de US$ 100 bilhões com base em dados financeiros selecionados divulgados.

Tanto o Uber quanto a Lyft estão perdendo dinheiro, mas o Uber, que se promove como uma empresa global de logística e transporte, é muito maior e mais diversificado do que a Lyft, cujo foco central continua sendo as caronas.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Forbes no Facebook: http://fb.com/forbesbrasil
Forbes no Twitter: http://twitter.com/forbesbr
Forbes no Instagram: http://instagram.com/forbesbr

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).