Ibovespa cai e fecha pouco acima dos 95 mil pontos

Reuters
Cenário externo mostra viés mais negativo

O Ibovespa encerrou hoje (2) em queda, em realização de lucros após subir 4,52% em três sessões, também influenciado pelo viés mais negativo no cenário externo, enquanto investidores permanecem na expectativa de novidades sobre a pauta de reformas do governo, em particular mudanças nas regras de aposentadorias.

LEIA MAIS: Ibovespa sobe com exterior positivo

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa caiu 0,70%, a 95.386,76 pontos, de acordo com dados preliminares. O volume financeiro somava R$ 11,8 bilhões.

Para Rodrigo Zauner, sócio e analista da SVN Investimentos, o índice acompanhou o movimento de acomodação no exterior, dada a falta de notícias sobre a reforma da Previdência no cenário doméstico. “O mercado financeiro tenta precificar qualquer notícia e a falta delas gera oportunidade para realização de lucros”, afirmou.

Em Wall Street, o índice de referência S&P 500 fechou estável, após três sessões consecutivas de ganhos, enquanto os contratos futuros do petróleo subiram com cortes de oferta liderados pela Opep e sanções dos EUA sobre Venezuela e Irã.

Nesta terça-feira, o líder do governo na Câmara, deputado Major Vitor Hugo (PSL-GO), afirmou que ainda é cedo para o governo fazer concessões sobre a reforma da Previdência, em um momento em que o ministro da Economia, Paulo Guedes, entra em campo para tentar afinar a articulação política em torno da proposta.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).