Lucro trimestral da Lenovo aumenta 20%

O lucro líquido da Lenovo no trimestre encerrado em setembro aumentou para US$ 202 milhões

A fabricante chinesa de computadores Lenovo registrou um aumento de 20% no lucro do segundo trimestre fiscal na comparação anual hoje (7), superando ligeiramente as estimativas dos analistas, devido ao fortalecimento da demanda por seus produtos.

LEIA MAIS: Lucro da Lenovo no 3º trimestre supera expectativas

O lucro líquido da Lenovo no trimestre encerrado em setembro aumentou para US$ 202 milhões, em comparação com uma estimativa média de US$ 199,59 milhões por oito analistas, segundo dados da Refinitiv. A receita aumentou 1%, para US$ 13,52 bilhões, em comparação com uma estimativa média de US$ 13,73 bilhões por 11 analistas.

“No futuro, a demanda global por produtos de tecnologia deverá permanecer volátil em meio a um ambiente macro complexo”, afirmou a empresa em comunicado.

“No entanto, a Lenovo estará bem posicionada para gerenciar condições de mercado complexas e dinâmicas”.

A Lenovo, maior fabricante mundial de PCs, alertou em agosto que teria que aumentar os preços se as tarifas dos EUA aumentassem, e que a mudança da fabricação da China para evitar tarifas poderia aumentar ainda mais os custos.

Os notebooks da empresa estão entre os US$ 156 bilhões em produtos chineses que Washington ameaçou atingir com tarifas em 15 de dezembro, além de telefones celulares e brinquedos.

Espera-se que Pequim peça a Washington que abandone esse plano, como parte de um acordo que ambos os lados dizem que estão próximos de finalizar.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).