Embraer entregará três jatos E190-E2 para a Widerøe

Operação faz parte de um pacote que contempla, no total, 15 unidades da mesma família.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Widerøe receberá os novos jatos E190-E2 em 2018 e será a primeira companhia aérea do mundo a operá-los (Divulgação)

Widerøe receberá os novos jatos E190-E2 em 2018 e será a primeira companhia aérea do mundo a operá-los (Divulgação)

Acessibilidade


A fabricante brasileira de aeronaves Embraer informou hoje (14/02) que a norueguesa Widerøe receberá os novos jatos E190-E2 na primeira metade de 2018 e será a primeira companhia aérea do mundo a operá-los.

Em janeiro, a Embraer informou ter assinado contrato com a Widerøe para até 15 jatos da família E2, incluindo três pedidos firmes para o E-190-E2.

LEIA MAIS: Como a Embraer tornou-se uma das maiores multinacionais do Brasil

De acordo com a empresa brasileira, a encomenda tem valor potencial de até US$ 873 milhões, se todos os direitos de compra forem exercidos.

“Nossa equipe segue focada em uma entrega bem-sucedida para a Widerøe na primeira metade do próximo ano”, disse John Slattery, presidente de Aviação Comercial da Embraer.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

(Por Gabriela Mello)

Compartilhe esta publicação: