NovaProm começa a vender colágeno para África do Sul

Empresa da JBS vai exportar 10 toneladas do produto a partir deste mês.

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
iStock
iStock

A NovaProm vai exportar 10 toneladas de colágeno fibra e em pó

Acessibilidade


A NovaProm, empresa produtora de colágeno da JBS, está entrando no mercado sul-africano neste mês, quando serão exportadas 10 toneladas de colágeno fibra e em pó, informou a companhia, acrescentando que a expectativa é de que esse número chegue a 250 toneladas por ano, a partir de 2020.

LEIA MAIS: Lucro da JBS sobe mais de 40% no 1º tri

“O mercado da África do Sul é uma ótima oportunidade para expandirmos ainda mais nossos negócios, já que o país possui uma localização estratégica e representa, hoje, uma das mais importantes economias do continente africano”, disse Walter Lene, diretor da NovaProm, em comunicado.

A companhia, que faz parte da unidade de Novos Negócios da JBS, já está presente na África, além de América Latina, América do Norte, Ásia, Europa e Oceania.

A linha de produtos que será comercializada na África do Sul é a Novapro, disponível em colágeno fibra, utilizado para conferir uma textura diferenciada em vários produtos alimentícios, principalmente os cárneos; e colágeno em pó, que tem várias aplicações, a maior parte delas em produtos injetados.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

De acordo com a JBS, a NovaProm, fundada em 2002, é líder na produção de colágeno bovino no mundo. Sua capacidade de produção anual é de 5 mil toneladas de colágeno e 4 mil toneladas de ingredientes funcionais para produtos industrializados.

Compartilhe esta publicação: