Ambev e Volkswagen concluem caminhão elétrico

Veículo será usado para reduzir emissões de CO2 no transporte de bebidas

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Divulgação
Divulgação

De acordo diretor de sustentabilidade e suprimentos da Ambev, foram feitas 369 entregas com o e-Delivery

Acessibilidade


A cervejaria Ambev e a montadora alemã Volkswagen Caminhões e Ônibus concluíram a fase piloto de testes do primeiro caminhão elétrico e-Delivery para transporte de bebidas, informaram hoje (13) as empresas.

LEIA MAIS: Ambev tem lucro líquido de R$ 2,9 bi no 3º tri

O veículo 100% elétrico percorreu mais de 900 quilômetros em um período de 30 dias, com redução de 0,7 tonelada nas emissões de CO2.

“Já economizamos nos testes 200 litros de diesel”, disse o diretor de sustentabilidade e suprimentos da Ambev, Guilherme Gaia. De acordo ele, foram feitas 369 entregas com o e-Delivery, ou quase 150 toneladas de produtos.

A parceria foi anunciada em agosto e prevê o uso de pelo menos 1.600 caminhões elétricos até 2023, de modo que 35% da frota da Ambev seja composta por veículos movidos a energia limpa.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“É o maior compromisso de caminhões elétricos do mundo, já são 1.617 e podem ser mais”, afirmou o vice-presidente de Sustentabilidade e Suprimentos da Ambev, Rodrigo Figueiredo, em evento na capital paulista.

O acordo com a Volkswagen faz parte dos esforços da Ambev para desenvolvimento de práticas mais sustentáveis de negócios. Só nos últimos cinco anos, a fabricante de bebidas investiu cerca de R$ 1 bilhão em projetos de sustentabilidade.

Compartilhe esta publicação: