Netflix planeja mais 17 produções originais na Ásia

A Índia, sozinha, pode trazer mais 100 milhões de assinantes ao serviço

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
iStock
iStock

Na Ásia, liderada pela Índia, a Netflix conquistou fãs entre uma jovem classe média com experiência em tecnologia

Acessibilidade


A Netflix pretende fazer mais 17 produções originais na Ásia que se destina a aumentar o número de assinantes internacionais, disse hoje (8) o diretor de conteúdo oficial, Ted Sarandos.

LEIA MAIS: Netflix faz emissão de US$ 2 bi por novos conteúdos

O plano, anunciado no evento de conteúdo da Netflix em Singapura, ocorre depois que a empresa norte-americana divulgou forte crescimento no lucro trimestral no mês passado, impulsionado por ganhos em assinantes de fora dos Estados Unidos, onde a empresa vem investindo agressivamente.

Na Ásia, liderada pela Índia, a Netflix conquistou fãs entre uma jovem classe média com experiência em tecnologia, ajudada por conteúdos como a franquia de filmes “Baahubali”.

O presidente-executivo da empresa, Reed Hastings, disse que a Índia poderia trazer os próximos 100 milhões de assinantes do serviço.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

No fim de setembro, a Netflix tinha 137 milhões de assinantes em seu serviço de streaming de filmes e séries em todo o mundo. A empresa começou a rechear sua biblioteca com filmes originais há três anos.

Compartilhe esta publicação: