As principais tendências da tecnologia em 2019

Getty Images
Relógios e dispositivos domésticos inteligentes lideram a lista de produtos

Milhares de entusiastas da tecnologia e especialistas da indústria estão se reunindo em Las Vegas nesta semana para descobrir os últimos desenvolvimentos no mundo dos eletrônicos para consumo. A CES 2019 – Consumer Electronics Show – mal começou e os fabricantes já estão tentando chamar a atenção do público com suas inovações cada vez maiores (no sentido figurativo ou literal da palavra) e mais estranhas.

LEIA MAIS: 10 tendências que marcarão o segmento de luxo em 2025

A LG gerou repercussões na segunda-feira (7) ao revelar uma TV OLED de 65 polegadas que sai de uma caixa quando ligada. Enquanto isso, outros mostraram que maior é, de fato, melhor quando se trata de entretenimento na sala de estar. Embora as novas invenções, como a TV “rolável” ou a com qualidade de imagem de 8K, devam demorar alguns anos para se tornarem populares, algumas criações que também costumavam ser projetos futurísticos finalmente começaram a cumprir sua promessa.

De acordo com as estimativas publicadas pela Associação de Tecnologia do Consumidor, as vendas de relógios, dispositivos domésticos e alto-falantes inteligentes estão alcançando, em poucos anos, a casa de bilhões de dólares. Espera-se que os fones de ouvido sem fio, um produto impulsionado pelo lançamento da Apple há dois anos, também tenham um crescimento significativo neste ano.

Veja, na galeria de fotos abaixo, a receita estimada de vendas dos produtos tecnológicos nos EUA em janeiro deste ano, assim como o crescimento projetado das vendas de 2018 para 2019:

  • 5. Drones: US$ 1 bi
    Crescimento projetado: 4%

  • 4. Fones de ouvido sem fio: US$ 2 bi
    Crescimento projetado: 46%

  • 3. Alto-falantes inteligentes: US$ 3,2 bi
    Crescimento projetado: 7%

  • 2. Dispositivos domésticos inteligentes: US$ 4,6 bi
    Crescimento projetado: 17%

  • 1. Relógios inteligentes: US$ 4,7 bi
    Crescimento projetado: 19%

5. Drones: US$ 1 bi
Crescimento projetado: 4%

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).