Pentágono vai rever certificados da SpaceX

Órgão quer saber se a Força Aérea cumpriu diretrizes no caso dos lançadores

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Reuters
Reuters

A empresa de foguetes de Musk disse no mês passado que reduzirá sua força de trabalho em cerca de 10% em relação aos mais de 6 mil funcionários da companhia

Acessibilidade


O Pentágono avaliará o certificado dos veículos lançadores da SpaceX, do bilionário Elon Musk, para determinar se a Força Aérea dos Estados Unidos cumpriu certas diretrizes.

LEIA MAIS: SpaceX lança para missão espacial da Força Aérea

“Nosso objetivo é determinar se a Força Aérea dos Estados Unidos cumpriu com o Guia de Certificação de Novos Operadores de Serviços de Lançamento ao certificar o projeto do sistema de lançamento para os veículos lançadores SpaceX, Falcon 9 e Falcon Heavy Evolved”, disse o general Michael Roark, vice-inspetor do Departamento de Defesa dos EUA. A revisão dos certificados começará este mês.

Em dezembro, um foguete SpaceX carregando um satélite de navegação militar dos Estados Unidos partiu de Cabo Canaveral, na Flórida, marcando a primeira missão espacial de segurança nacional da empresa de transporte espacial para os Estados Unidos.

A missão foi uma vitória significativa para Musk, que passou anos tentando entrar no lucrativo mercado de lançamentos espaciais militares dominadas pela Lockheed Martin e Boeing.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A empresa de foguetes de Musk disse no mês passado que reduzirá sua força de trabalho em cerca de 10% em relação aos mais de 6 mil funcionários da companhia, citando “desafios extraordinariamente difíceis pela frente”.

Compartilhe esta publicação: